A notícia de que 15 praças de Blumenau ganharão novas academias ao ar livre provocou reação entre moradores da cidade preocupados com o mau estado de áreas de lazer. Leitores reclamam da ação de vândalos, praças quebradas e desgastadas e apontam risco em gambiarras nos brinquedos infantis. De balanço suspenso por abraçadeira de plástico a buraco coberto com silver tape no escorregador. A prefeitura reconhece o problema, em grande medida causado por vândalos, está providenciando melhorias em cinco locais e espera pela ajuda de empresas para aprimorar a manutenção.

Continua depois da publicidade

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

Na pracinha da Rua Cuba, Ponta Aguda, alguém pôs uma abraçadeira plástica para segurar o balanço que havia caído. Perto dali há um muro, vizinho do posto de saúde, que ameaça cair. Ainda na Ponta Aguda, outra praça, perto da Ponte de Ferro, está com os brinquedos bastante desgastados. Um escorregador danificado recebeu “curativo” com silver tape.

Buraco em escorregador foi coberto com silver tape
Buraco em escorregador foi coberto com silver tape (Foto: Patrick Rodrigues)

Na Praça Governador Jorge Lacerda, na Itoupava Norte, ao lado da Escola João Widemann, a academia ao ar livre está corroída pela ferrugem e o alambrado da quadra, semidestruído.

Praça em frente à Escola João Widemann pede uma academia nova
Praça em frente à Escola João Widemann pede uma academia nova (Foto: Patrick Rodrigues)

Anel Viário Norte

Mas todos esses casos parecem simples de resolver se comparados à praça que fica no Anel Viário Norte, na Ponta Aguda. De tão depredado, o lugar parece abandonado. A cerca foi derrubada, a tabela de basquete está no chão, pilares de alvenaria caíram e outros estão bambos. Ali a comunidade pede uma reforma geral.

Continua depois da publicidade

Poucas atrações permanecem de pé na praça do Anel Viário Norte
Poucas atrações permanecem de pé na praça do Anel Viário Norte (Foto: Patrick Rodrigues)
Cerca foi derrubada e há pedaços de concreto e tijolos espalhados pela praça
Cerca foi derrubada e há pedaços de concreto e tijolos espalhados pela praça (Foto: Patrick Rodrigues)

Adote uma praça

Segundo a Secretaria de Conservação e Manutenção Urbana (Semob), reformas de praças estão sendo divididas em lotes. Cinco delas, consideradas mais movimentadas, receberam prioridade: Getúlio Vargas, no Garcia; Praça dos Músicos, na Itoupava Seca; Raphael Luciani, no Tribess; Cirillo Theiss, na Velha Central; e o Largo Vienna, na Itoupava Norte. O investimento nestas será de R$ 200 mil.

O município promete anunciar novos lotes em breve. Mas aposta em outra solução para melhorar a manutenção dos espaços públicos de lazer: o projeto Adote Uma Praça. Por meio dele, empresas, entidades e pessoas físicas podem assumir praças em troca de espaço publicitário. Vale de praça inteira a canteiro.

Quem estiver interessado em contribuir com a comunidade deve telefonar para (47) 3381-6148.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

Leia também

> Duplicação da BR-470: ministro Tarcísio Freitas adota o modo “acabou o dinheiro”.

> Educação em casa na pandemia é “sem TV e Whatsapp”, diz secretária de Blumenau.

> Assalto ao Bradesco em Blumenau: Justiça condena dois criminosos a 90 anos de prisão.

Destaques do NSC Total