nsc
nsc

Derrota

Figueirense decepciona em estreia muito ruim na Série C

Compartilhe

Faraco
Por Faraco
29/05/2021 - 18h58
Rodolfo salta, mas não alcança a bola no gol do Novorizontino
Rodolfo salta, mas não alcança a bola no gol do Novorizontino (Foto: reprodução/ TVN Sports)

Não se esperava um Figueirense entrosado na estreia da Série C. Muito menos um time com acerto coletivo ou futebol envolvente. Mas um time muito competitivo todo mundo esperava e é possível cobrar. Aliás, é o mínimo que se espera de qualquer equipe. Muita marcação, muita entrega e minimamente uma aplicação defensiva. Nada disso apareceu na derrota de 1 x 0 para o Novorizontino.

O Figueirense não teve aspectos positivos em nenhuma das fazes do jogo. Muito confuso na defesa, sem proteção e criação no meio, e frágil no ataque. Algumas escolhas do técnico Jorginho foram surpreendentes. O lado direito da linha de defesa foi muito mal, com Ítalo deslocado como zagueiro central (estava sempre torto e fora de posição) e a titularidade de André Krobel pra que Éverton Santos ficasse no banco.

> Clique aqui e receba as principais notícias de Santa Catarina no WhatsApp

Mas individualmente o time teve alguns bons valores. Denner era o único firme na marcação na sua reestreia. Rodolfo – apesar de discordar da escolha – foi bem, com três boas defesas. O meia Guilherme Garré também mostrou alguns acertos.

> Figueirense recebe homenagem a duas semanas de completar o centenário

O recado que ficou da estreia é que o time ainda vai precisar de muito. Entre escolhas, acertos no time, entrosamento e qualificação. O Figueirense ainda está longe e Jorginho tem um longo e difícil trabalho.

Rodrigo Faraco

Colunista

Faraco

Jornalista e comentarista esportivo, sempre atento ao que acontece especialmente no futebol catarinense, faz análises e bastidores dos times do Estado.

siga Faraco

Rodrigo Faraco

Colunista

Faraco

Jornalista e comentarista esportivo, sempre atento ao que acontece especialmente no futebol catarinense, faz análises e bastidores dos times do Estado.

siga Faraco

Mais colunistas

    Mais colunistas