nsc
nsc

Doações

Coronavírus: empresa de Joinville usa impressão 3D para produzir máscaras

Compartilhe

Loetz
Por Loetz
23/03/2020 - 06h35 - Atualizada em: 23/03/2020 - 06h46
foto mostra a máscara usada por profissionais da saúde
As máscaras de acetato são usadas pelos profissionais da saúde (Foto: Divulgação)

A empresa 3DTech, de Joinville, está produzindo máscaras de equipamentos de proteção individual (EPI), aquela com folha de acetato, que cobre todo o rosto. Já fabricou 70 unidades. A capacidade de produção é de 25 a 30 por dia, podendo chegar a 100 por dia.

Se for viável a utilização de tecnologia de corte a laser, poderá viabilizar a produção de mil máscaras diariamente, afirma o CEO da 3DTech, Helbert Paranhos.

–  Vamos separar as máscaras por lotes para que a Secretaria da Saúde do município pegue e distribua para os hospitais de Joinville  – explicou.

Paranhos também conta que respiradores custam R$ 70 mil a unidade e estão sendo testados. Ao mesmo tempo, está em desenvolvimento respiradores a custo baixo, de R$ 500 a R$ 600 reais cada um. 

Leia também:

Fábrica clandestina de álcool gel é descoberta pela polícia em Joinville

Central de doações vai receber materiais e equipamentos de saúde em Joinville

Conteúdo gratuito: acesse o site especial e leia todas as matérias sobre coronavírus

Deixe seu comentário:

Cláudio Loetz

Colunista

Loetz

Claudio Loetz é um dos mais renomados colunistas de economia do Sul do Brasil. Com textos analíticos e informativos, é a principal fonte de informação para os interessados em negócios em Joinville e região.

siga Loetz

Últimas do colunista

Loading interface...
Cláudio Loetz

Colunista

Loetz

Claudio Loetz é um dos mais renomados colunistas de economia do Sul do Brasil. Com textos analíticos e informativos, é a principal fonte de informação para os interessados em negócios em Joinville e região.

siga Loetz

Mais colunistas

    Mais colunistas