Florianópolis

publicidade

Marcelo

Em sigilo

Ministério Público investiga irregularidades nos alvarás para carrinhos de picolé em Florianópolis

Compartilhe

Por Marcelo Fleury
13/02/2018 - 12h52 - Atualizada em: 13/02/2018 - 12h52

A coluna revelou na segunda-feira uma investigação sigilosa em curso no Ministério Público para apurar irregularidades na distribuição de alvarás para carrinhos de picolé em Florianópolis.

A Promotoria da Mobilidade Administrativa tem em mãos depoimentos e áudios que mostram, no mínimo, uma linha estranha relacionando um vereador, um indicado para um cargo dentro da Superintendência de Serviços Públicos (Susp), da prefeitura, e um funcionário da Comcap que também vende picolés.

… E a identidade secreta do Batman

Não foram citados nomes, mas este espaço ontem disse que tinha “até super-herói” envolvido na investigação: o Batman. Ontem, ele me ligou:

— Eu sou o Batman! — disse.

Batman é o apelido de Everton Arruda, o funcionário da Comcap que tem uma empresa com alvarás para vender picolés no norte da Ilha. Queixou-se de ter sido injustamente exposto. Diante do argumento de que podem haver mais Batmans, argumentou:

— Só existem dois. Bruce Wayne e eu.

Mais sobre a história toda nos próximos dias.

E agora?

Ainda envolta em controvérsia, a história do suicídio do reitor da UFSC, Luiz Carlos Cancellier, ganhou mais um capítulo, mostrando que ainda não acabou. Conforme revelado pelo site Farol Reportagem e pela Folha de S.Paulo, o reitor foi avisado por WhatsApp sobre operação sigilosa da Polícia Federal. Talvez tenha seja precipitado correr para absolvê-lo ou condená-lo.

Leia todas as publicações de Marcelo Fleury

Deixe seu comentário:

publicidade

Florianópolis
© 2017 NSC Comunicação
Florianópolis
© 2017 NSC Comunicação