nsc
nsc

Memória

O dia em que o Louro José invadiu o Jornal do Almoço

Compartilhe

Mário
Por Mário Motta
01/11/2020 - 22h23 - Atualizada em: 02/11/2020 - 09h59
Edição inesquecível do Jornal do Almoço há quase dez anos (Foto: Marlene Montanari).
Edição inesquecível do Jornal do Almoço há quase dez anos (Foto: Marlene Montanari).

Tom Veiga chegou ao Morro da Cruz naquela manhã de agosto de 2005, bem quietinho e nem foi reconhecido. Pelo menos até retirar do "estojo" aquele papagaio maravilhoso e imediatamente identificado - Louro José - o papagaio mais famoso da TV brasileira estava em Florianópolis.

Alvoroço.

Todos queriam ve-lo, trocar uma idéia, tirar uma foto e ter certeza que ele falava por si mesmo.

Assim foi naquela manhã de 2005, quando Tom Veiga veio a Florianópolis para representar Ana Maria e o programa Mais Você.

> Laudo aponta que Tom Veiga, o Louro José, morreu de AVC

E justamente eu que sempre brincava nos bastidores da então RBS TV, de que o "Mais Você" da Rede Globo era o único programa no mundo comandado por uma mulher e um papagaio, iria contracenar com ele no Jornal do Almoço que começaria logo em seguida.

Nossas colegas da redação e do arquivo invadiram o estúdio para abraçar o Louro.
Nossas colegas da redação e do arquivo invadiram o estúdio para abraçar o Louro.
(Foto: )

Posso garantir que já havia entrevistado inúmeros interlocutores, mas um papagaio, seria a primeira vez.

E foi sensacional.

O Tom era muito espirituoso, muito ágil de raciocínio e proporcionou uma entrevista das mais agradáveis e engraçadas que tive a oportunidade de fazer.

Louro José e Ana Maria Braga - uma dupla inigualável.

Não tenho dúvida que a manutenção daquele arranjo original por mais de duas décadas deveu-se à incrível química desenvolvida entre Ana Maria Braga e Tom Veiga.

E pudemos sentir - eu e Camile Reis (que naquele dia apresentou o Jornal do Almoço comigo) exatamente isso. A impressionante agilidade mental, o improviso dinâmico e a alegria na fala daquele genial artista que - deitado sob a mesa do JA, dava vida aquele papagaio já remodelado e com um visual bem mais moderno do que o que acompanhara Ana Maria Braga por um bom tempo no programa Note e Anote da TV Record, até que ela foi contratada pela Globo em abril de 1999.

​> Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

Sob a mesa do Jornal do Almoço estava Tom Veiga, que depois do JA atendeu a todos com muito carinho, atenção e generosidade, atribuindo ao Papagaio que continuava sendo manuseado por ele, todo o sucesso que ele testemunhava.

Tom Veiga, o intérprete de Louro José
Tom Veiga, o intérprete de Louro José
(Foto: )

Muitos anos depois, numa das edições do Criança Esperança que fui cobrir no Projac, cruzei com o Tom novamente e com o mesmo carinho e atenção, o pai do Louro José veio ao nosso encontro relembrando de sua passagem por Florianópolis e pelo Jornal do Almoço.

Lamento muito e respeito sua passagem para um plano espiritual superior, mas acredito que tanto o Tom como o Louro José aproveitaram todos os momentos de suas vidas para se alegrar, fazer o público se divertir e para proporcionar felicidade a crianças, adultos e idosos.

Onde você estiver meu caro Tom (e querido Louro José), saibam que continuaremos sendo sempre e cada vez MAIS VOCÊ!

Leia mais:

Os 50 melhores filmes para assistir na Netflix

Conheça os benefícios do chocolate para a saúde

Confira as dicas para prevenir doenças respiratórias

Mário Motta

Colunista

Mário Motta

Informação de relevância e opinião sobre o que acontece na Grande Florianópolis com todo o carisma e credibilidade de Mário Motta.

siga Mário Motta

Mário Motta

Colunista

Mário Motta

Informação de relevância e opinião sobre o que acontece na Grande Florianópolis com todo o carisma e credibilidade de Mário Motta.

siga Mário Motta

Mais colunistas

    Mais colunistas