nsc
nsc

Luto na medicina

Morre o médico e professor Osmard Andrade Faria

Compartilhe

Moacir
Por Moacir Pereira
19/01/2020 - 11h15
Escritores Osmard Faria e Júlio Queiroz. (Foto: divulgação)
Escritores Osmard Faria e Júlio Queiroz. (Foto: divulgação)

Faleceu hoje em Florianópolis, aos 97 anos de idade, o médico e professor Osmard Andrade Faria. O velório será neste domingo (19), entre 13h e 17h, no Cemitério de Itacorubi, seguindo para o Crematório Vaticano.

Nascido no Rio de Janeiro, onde atuou como jornalista e radialistas por 20 anos, teve participação destacada na época nos principais diários cariocas. Manteve programa literário e musical durante seis anos nas Rádio Mauá e Clube. Naqueles programas lançou artistas famosos com Maria Della Cosa e Geir Campos.

Foi professor da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Santa Catarina. Escreveu inúmeros livros de medicina e literatura, entre os quais: “Manual de Hipnose Médica e Odontológica” — com várias edições no Brasil e no exterior —, “Hipnose e Letargia”, “Panorama Atual das Funções Psi – Parapsicologia”, “Assim Escrevem os Catarinenses" – (antologia), “A Batalha de Araranguá”, “O Que é Parapsicologia”, “O Que é Hipnotismo”, “Este Humor Catarina” – (antologia), e “Eutanásia – A Morte Com Dignidade”. 

Profissional e cidadão de exemplar ética e integridade, agregava a inúmeras virtudes e qualidades a coragem para assumir posições em público em defesa da cidadania e das instituições. Dr. Osmard era pai do advogado Claude Pasteur Faria, competente Diretor Executivo do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura durante anos. 

Leia outras notas de Moacir Pereira.

Moacir Pereira

Colunista

Moacir Pereira

Principal nome do jornalismo político catarinense, é respeitado pela classe assim como nos campos empresarial e jurídico. A exclusividade de suas notícias se reflete na sua credibilidade.

siga Moacir Pereira

Últimas do colunista

Loading interface...
Moacir Pereira

Colunista

Moacir Pereira

Principal nome do jornalismo político catarinense, é respeitado pela classe assim como nos campos empresarial e jurídico. A exclusividade de suas notícias se reflete na sua credibilidade.

siga Moacir Pereira

Mais colunistas

    Mais colunistas