Florianópolis

Moacir

Pereira

Moacir Pereira

Principal nome do jornalismo político catarinense, é respeitado pela classe assim como nos campos empresarial e jurídico. A exclusividade de suas notícias se reflete na sua credibilidade.

Moacir Pereira

Divulgação

57 imóveis históricos passam a integrar o Roteiro Nacional da Imigração de Santa Catarina

Por Moacir Pereira

22/01/2018 - 17h15

O tombamento de 57 imóveis históricos que formam o Roteiro Nacional da imigração em Santa Catarina acaba de ser oficializado por ato do governador Raimundo Colombo. Propostos pela Fundação Catarinense de Cultura destacam-se os casarios germânicos no norte do Estado e no Vale do Itajaí. Com o novo ato sobe para 350 o número de imóveis tombados. Julgamento de Lula Mais de 300 jornalistas estão credenciados pelo Tribunal Regional Federal de Porto Alegre para a cobertura do julgamento do ex-presidente Lula na quarta-feira. São 250 brasileiros e 43 estrangeiros, incluindo profissionais dos Estados Unidos, Alemanha, Inglaterra, Japão, França, Espanha, Dinamarca, Argentina e Catar. A sessão terão transmissão ao vivo pelo youtube. Mais concurso O defensor público geral do Estado, Ralf Zimmer, mandou o aviso à OAB-SC e as autoridades. Se não houver acordo em torno da tabela de honorários dos advogados dativos, Zimmer diz que será necessária a realização de novo concurso público. Curtas *Professores ACTs aprovados processo seletivo tem prazo a parti deoje até dia 26 de janeiro para escolha de vagas na rede estadual de ensino. *Professor Samy Dana, da FGV e da  Globo News, estará em Blumenau, a convite da CDL e da UniSagres, no dia 14 de março. Falará sobre perspectivas da economia brasileira. Leia mais notícias na coluna de Moacir Pereira

Continuar lendo

PMDB decide pela realização de prévias no dia 17 de março

Por Moacir Pereira

22/01/2018 - 14h09

Reunida esta manhã, a Executiva Estadual do PMDB decidiu realizar prévias para definição do candidato a governador no dia 17 de março. Abrirá inscrições dos interessados em participar até o dia 2 de fevereiro. Quem estiver interessado deverá enviar um comunicado ao Diretório Regional, em Florianópolis.

Continuar lendo
Crédito: Ricardo Wolffenbüttel

Jorge Bornhausen abandona a vida pública - mas nem tanto

Por Moacir Pereira

22/01/2018 - 12h45

O ex-governador Jorge Bornhausen está sem filiação partidária e abandonou a vida pública. Mas continua em franca atividade nos bastidores. A Praia Brava, onde passa todos os anos a temporada, continua sendo o destino de várias lideranças e parlamentares. Entre os que foram conversar com Bornhausen, o senador Paulo Bauer, do PSDB,e o governador Raimundo Colombo, do PSD. A preferência Jorge Bornhausen defende a tese de definição há de acordo político entre o PSDB, o PSD e o PP com o lançamento dos candidatos majoritários. Teria Paulo Bauer (PSDB) ao governo, Gelson Merísio (PSD) de vice, Esperidião Amin (PP) e Ramiundo Colombo(PSD) ao Senado. Esta seria, na avaliação do ex-senador, a chapa ideal para alavancar a candidatura de Geraldo Alckmin(PSDB) à presidência em Santa Catarina. Nova chapa Outra proposta de formação de uma chapa com a liderança do PSDB vem sendo cogitada nos bastidores políticos do Estado. Teria o senador Paulo Bauer (PSDB) candidato a governador, o deputado federal João Rodrigues (PSD) de vice;Esperidião Amin(PP)e Napoleão Bernardes (PSDB) de vice. A nova tríplice aliança depende, em primeiro lugar,do julgamento de João Rodrigues pelo STF em fevereiro. Leia mais notícias do colunista Moacir Pereira

Continuar lendo

PMDB decide sobre prévias  

Por Moacir Pereira

22/01/2018 - 12h34

A Executiva Estadual do PMDB estará reunida hoje para decidir sobre a realização de prévias visando a escolha do candidato ao governo. A proposta, formalizada pelo presidente do partido, Mauro Mariani, é polêmica. O prefeito de Joinville, Udo Döhler, já se manifestou publicamente contra a ideia. O governador Eduardo Pinho Moreira não tem o menor interesse em sua realização. Se for aprovada pela Executiva, revelará em primeiro lugar que Mauro Mariani tem o comando do processo na cúpula partidária.  Neste caso, uma comissão deverá decidir sobre as datas de inscrições e de realização da consulta partidária.  Mariani tem enfatizado que as prévias devem ser realizadas em março. Ocorrendo, o maior prejudicado será Eduardo Moreira, cuja caneta estará cheia de tinta só a partir de abril, quando Raimundo Colombo deverá renunciar ao governo. A proposta de prévias, a rigor, é um xeque-mate na liderança do vice-governador, pois ele tem dito que seu candidato é Mauro Mariani. Terá, pois, dificuldades politicas de inscrever-se. Nos bastidores do PMDB, está no palco apenas a candidatura de Mauro Mariani. O prefeito Udo Döhler não se apresenta ainda como candidato, mas quando posiciona-se contra as prévias está sinalizado duas posições: admite claramente ser o candidato ao governo ou tem um outro nome que não Mariani para disputar a majoritária. No PMDB, corre por fora sem qualquer movimentação o senador Dário Berger. Declara-se que está desmotivado, que a judicialização da política só provoca desânimo e não admite disputar o governo. É, contudo, considerado dentro e fora do partido como o mais popular e o mais perigoso para os demais candidatos. Posse Começaram a circular os convites para a posse do deputado Aldo Schneider, do PMDB, na presidência da Assembleia Legislativa, no lugar do deputado Silvio Dreveck, do PP, que renunciará, cumprindo acordo politico. Será as 15h do dia 6 de fevereiro. Na mesma tarde, às 14h, serão iniciados os trabalhos com a leitura da tradicional mensagem anual do governador. Leia mais notícias de Moacir Pereira

Continuar lendo
Ponte

DNIT se nega a pagar a conta de luz e Ponte Anita Garibaldi está sem iluminação neste verão

Por Moacir Pereira

22/01/2018 - 09h55

Milhares de turistas que transitam pela BR-101 e os usuários frequentes da rodovia continuam sendo punidos por mais este ato de incompetência federal. A belíssima Ponte Anita Garibaldi, com esta excepcional paisagem noturna quando está iluminada, inexiste neste verão. O DNIT se nega a assumir o pagamento da luz. A prefeitura alega, com razão, que a ponte é federal, está numa rodovia federal e a despesa é com o DNIT. Mais um desrespeito para com Santa Catarina. O julgamento Pelo menos 300 jornalistas estão credenciados pelo Tribunal Regional Federal de Porto Alegre para a cobertura do julgamento do ex-presidente Lula no próximo dia 24, entre eles 250 brasileiros e 43 estrangeiros, incluindo profissionais dos Estados Unidos, Alemanha, Inglaterra, Japão, França, Espanha, Dinamarca, Argentina e Catar. A sessão terá transmissão ao vivo. Leia todas as publicações de Moacir Pereira Leia também: Luciano Hang, da Havan, e Flávio Rocha, da Riachuelo, pedem basta na corrupção Balneário Camboriú investiu 32% da receita no setor da saúde em 2017

Continuar lendo
Acélio

Secretário da Saúde Acélio Casagrande garante que pasta não terá interferência partidária

Por Moacir Pereira

20/01/2018 - 13h38

Confira entrevista com o novo secretário de Saúde de Santa Catarina, Acélio Casagrande: Quais as recomendações que o senhor recebeu do vice Eduardo Moreira? Muita austeridade no comando e evitar interferência político-partidária. Vamos repetir a experiência vitoriosa de Criciúma. O próprio Eduardo estará uma vez por semana na secretaria. Temos total autonomia para escolher a equipe. Estamos enxugando ao máximo a estrutura. Excluímos uma superintendência inteira, simplificando o sistema de compras, reduzindo o processo burocrático com nova equipe técnica. Estamos fazendo uma revisão profunda e rigorosa em todo o sistema de saúde. O senhor pretende substituir os diretores dos hospitais do Estado? Aqueles que tiverem o controle do hospital, com boa gestão e dedicação, vão continuar. Os que não estiverem enquadrados ou sem gestão serão substituídos. O que fazer com uma dívida de R$ 1 bilhão, segundo o TCE? Quando recebermos os dados do Tribunal de Contas vamos fazer uma análise da situação financeira. Comparar os números do TCE e o que for reconhecido pela Secretaria da Saúde. A partir deste diagnóstico vamos nos reunir com o governador para buscar soluções. Estarei na terça-feira com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, para colocar nossos problemas e pedir apoio financeiro na solução. Junto com o governo federal e parceria com os municípios venceremos os desafios. Os hospitais alegam que a tabela do SUS não paga nem os custos... O custo-saúde hoje é muito mais alto do que a remuneração e a receita apurada. O melhor exemplo é o Samu. Temos R$ 1,8 milhão de receita do Ministério da Saúde e o custo chega a R$ 9 milhões. O Hospital Regional de São José tem custo de R$ 15 milhões. Se contabilizarmos todas as receitas não chegaremos a R$ 2 milhões por mês. Os hospitais filantrópicos ainda conseguem cobrar dos pacientes com planos de saúde e de particulares. Isso dá um certo equilíbrio. Os hospitais nossos são 100% públicos, sem receita. Os hospitais públicos não deveriam ter direito de internar pacientes de seguradoras e particulares para terem uma receita mínima? É um debate que devemos provocar. Se os pacientes entram em hospitais públicos e são atendidos, por que não cobrar dos planos de saúde para garantir recursos?  É um debate vital com o Tribunal de Contas, Ministério Público, Tribunal de Justiça e sindicatos de servidores. Leia todas as publicações de Moacir Pereira Leia também: Luciano Hang, da Havan, e Flávio Rocha, da Riachuelo, pedem basta na corrupção Balneário Camboriú investiu 32% da receita no setor da saúde em 2017

Continuar lendo
Congresso Nacional

Ranking avalia parlamentares de SC

Por Moacir Pereira

20/01/2018 - 00h36

Projeto destinado a fiscalizar a atividade dos 81 senadores e 513 deputados federais está divulgando esta semana o resultado da última avaliação, com cinco critérios diferentes: presença nas sessões, privilégios, processos judiciais, qualidade legislativa e outras atividades (www.politicos.org.br). Na Câmara dos Deputados, entre os 16 parlamentares de Santa Catarina o mais bem posicionado é Mauro Mariani (PMDB), em 12° lugar. Na pior colocação está o deputado Décio Lima (PT), também líder da oposição, em 513°, portanto o último da Câmara. A relação do ranking indica em segundo entre os catarinenses Celso Maldaner (PMDB, 31° posição). Na sequência aparecem Geovania de Sá (PSDB, 33°), Esperidião Amin (PP, 37°), Valdir Colatto (PMDB, 53°), Carmen Zanotto (PPS, 62°), Jorginho Melo (PR, 88°), Rogério Mendonça (PMDB, 90°), Ronaldo Benedet (PMDB, 107°), João Paulo Kleinubing (PSD, 281°), João Rodrigues (PSD, 343°), Cesar Souza (PSD, 356°), Jorge Boeira (PP, 388°), Marco Tebaldi (PSDB, 430°), Pedro Uczai (PT, 510°) e Décio Lima (PT, 513°). O ranking foi criado por dois administradores e conta com dois conselhos, constituídos por professores da Fundação Getúlio Vargas e da Universidade de São Paulo, principalmente. Seu site oficial informa:           “Somos um ranking que compara políticos de todo o Brasil. Classificamos os senadores e deputados federais do melhor para o pior. Sabemos que existe uma enorme quantidade de corruptos e incompetentes na política brasileira”. A lista dos 81 senadores aponta em primeiro lugar a gaúcha Ana Amélia Lemos (PP). Entre os três senadores catarinenses, a melhor avaliação está com Dalírio Beber (PSDB, 16°). Paulo Bauer, também do PSDB, figura na 37° colocação e Dário Berger (PMDB) aparece em 69° lugar. O deputado Décio Lima, que é o presidente estadual do PT, disse desconsiderar a pesquisa porque perdeu pontos por votar contra projetos de reformas do presidente Temer. Nova chapa Circula nos bastidores uma nova equação de alianças para as eleições majoritárias este ano em Santa Catarina. Seria a coligação ideal do governador. Teria o prefeito Udo Döhler (PMDB) como candidato ao governo com o deputado federal João Rodrigues (PSD) de vice. Para o Senado, o deputado federal Mauro Mariani (PMDB) e Raimundo Colombo (PSD). O quarteto dependeria, contudo, do julgamento do recurso de João Rodrigues, no STF. Impasse Defensor público-geral do Estado, Ralf Zimmer, marcou para o dia 25 de janeiro reunião com representantes da OAB-SC, Tribunais de Justiça e de Contas, Procuradoria Geral do Estado e Casa Civil. Pauta exclusiva para tratar do impasse sobre o pagamento da defensoria dativa. A OAB quer aplicar a tabela privada e a Defensoria alega lei para executar a tabela pública de honorários. O ano começa com 10 mil advogados que prestaram assistência jurídica sem nada receber. Posse Começaram a circular os convites para a posse do deputado Aldo Schneider (PMDB) na presidência da Assembleia Legislativa, no lugar do deputado Silvio Dreveck (PP), que renunciará, cumprindo acordo político. Será às 15h do dia 6 de fevereiro. Na mesma tarde, às 14h, serão iniciados os trabalhos com a leitura da mensagem anual do governador. Leia todas as publicações de Moacir Pereira Leia também: Luciano Hang, da Havan, e Flávio Rocha, da Riachuelo, pedem basta na corrupção Balneário Camboriú investiu 32% da receita no setor da saúde em 2017

Continuar lendo
Vampiro

Secretário Luiz Fernando Vampiro: "O sul está unido na candidatura Eduardo Moreira"

Por Moacir Pereira

19/01/2018 - 17h17

Luiz Fernando Vampiro, secretário estadual de infraestrutura, pediu, em ato público em Içara, mais quatro anos para Eduardo Moreira. Confira entrevista: Por que o lançamento da candidatura de Eduardo Moreira ao governo? Tivemos a entrega da ordem de serviço da SC-445, reivindicada há mais de 30 anos. Há muito tempo se registra um clamor popular do Sul querendo eleger um governador.    Como a candidatura poderá se viabilizar? O Eduardo tem uma forma diplomática e especial de lidar com as pessoas. Tem uma rica experiência administrativa acumulada em vários cargos de destaque no governo. Ele tem poder de aglutinar lideranças. Como foi a reação da plateia? Foi de grande entusiasmo. Lá estavam as principais lideranças políticas e empresariais, parlamentares e várias autoridades. O Sul está vivendo um momento diferenciado. Obras importantes, como a Via Rápida, investimentos na área da saúde e infraestrutura. Se apenas em um ano sentimos a diferença de ter um governador do Sul, imagine se ele ficar governando cinco anos. Com que aliança? Seria importante continuar o projeto, com o dr. Eduardo liderando uma aliança do PMDB com o PSDB e o PSD. Quem vai sucedê-lo na Secretaria de Infraestrutura? O convite já foi feito ao engenheiro Paulo França, atual secretário-adjunto. Tem grande experiência e vai dar continuidade à pasta. O Eduardo quer fazer um governo sem sobressaltos. Leia todas as publicações de Moacir Pereira Veja também: Definições do novo presidente do TJ-SC Cenário político nebuloso e imprevisível em SC

Continuar lendo

Balneário Camboriú investiu 32% da receita no setor da saúde em 2017

Por Moacir Pereira

19/01/2018 - 10h17

O prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, está celebrando uma conquista inédita no relatório de 2017. O município investiu 32% da receita no setor saúde, mais do que o dobro exigido pela Constituição, de 15%. O balanço indica mais de 660 mil procedimentos, entre consultas, exames e cirurgias. Despesas totais de R$ 153 milhões no ano. Voos à Europa O vice-governador Eduardo Moreira comunicou ao presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, que apelará à Zurich Airport que amplie a pista do aeroporto Hercílio Luz em mais 500 metros. O aumento permitirá voos diretos de Santa Catarina para Europa e Estados Unidos. Lummertz destaca que a ampliação mudará a história do turismo em Florianópolis, dando-lhe qualificação e gerando mais divisas. O único voo possível hoje seria com o Airbus da TAP, que liga Porto Alegre a Lisboa. Mas o terminal da Ilha não comporta a nova linha. Crea-SC Está marcada para o dia 25, às 18h30, a posse da nova diretoria do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, sob a presidência do engenheiro agrônomo Ari Geraldo Neumann. A solenidade será no auditório da Celesc, em frente à sede do Crea-SC. Também serão empossados os novos conselheiros e os diretores do Mútua. Contorno A Arteris divulgou nota em São Paulo confirmando que já foram concluídos 36 dos 50 quilômetros das obras do Contorno da BR-101 na Capital. O grupo espanhol está comemorando a duplicação da Rodovia Régis Bittencourt (BR-116) na Serra do Cafezal. A obra facilita a ligação rodoviária de São Paulo ao litoral de Santa Catarina. E reduziu em 83% o número de mortes só naquele trecho nas festas de fim de ano. Sem Fundam O empréstimo de R$ 634 milhões do governo junto ao BNDES para a segunda etapa do Fundo de Desenvolvimento dos Municípios (Fundam) dificilmente terá contrato assinado pelo governador Raimundo Colombo. O financiamento deverá sofrer modificações. A mais importante: o banco quer o dinheiro aplicado em saúde, infraestrutura e turismo.  Curtas *Professor Samy Dana, da FGV e da  Globo News, estará em Blumenau, a convite da CDL e da UniSagres, no dia 14 de março. Falará sobre perspectivas da economia brasileira. *Será hoje pela manhã, na vinícola da família Pignatel, em Urussanga, a abertura da 10ª Vindima Goethe.  Leia todas as publicações de Moacir Pereira Veja também: Definições do novo presidente do TJ-SC Cenário político nebuloso e imprevisível em SC

Continuar lendo
Hang

Luciano Hang, da Havan, e Flávio Rocha, da Riachuelo, pedem basta na corrupção

Por Moacir Pereira

19/01/2018 - 00h17

O empresário Luciano Hang está em Nova Iorque, onde integra a comitiva brasileira no NRF Big Show, maior e mais inovador evento do varejo em todo o mundo. Ouviu, com vivo entusiasmo, forte discurso do presidente do grupo Riachuelo, Flávio Rocha, sobre a situação política e econômica do Brasil. Coincide com sua última proclamação na coletiva em Brusque. E vem repassando a fala, na íntegra, a lideranças de Santa Catarina.          Eleições "Não é possível que o líder das pesquisas no Brasil para presidente hoje seja não apenas o maior responsável pela crise como um criminoso condenado a 9 anos e meio de prisão em apenas um de inúmeros processos que responde. Que mensagem o país está passando para a classe política e para o mundo? Que aqui o crime compensa? Que o brasileiro aprova a roubalheira? Não é possível que a lição, a mais dura de todas, não tenha sido aprendida.” Memória "A leve recuperação do Brasil atual não pode significar, de forma alguma, o esquecimento de como chegamos até aqui. O Brasil é um país sem memória, mas não é possível que em pleno ano eleitoral não se fale a cada oportunidade, todos os dias, do período nefasto de quase 15 anos em que uma quadrilha saqueou o Brasil, aparelhou as instituições, usou bancos e obras públicas para enriquecimento privado numa proporção jamais vista e que, espero, nunca mais aconteça.” Sem governo “O Brasil hoje não tem um governo, é o governo que tem um país que vive para sustentar sua gastança, seu desperdício, seu endividamento, seus ralos bilionários de corrupção e clientelismo, suas regulações insanas, seu intervencionismo retrógrado, sua aversão ao liberalismo e ao empreendedorismo, seu paternalismo autoritário, sua incompetência criminosa e sua fome insaciável por poder, dinheiro e ingerência na vida do cidadão e das empresas. É preciso dar um basta.” Leia todas as publicações de Moacir Pereira

Continuar lendo

Moacir

Pereira

Moacir Pereira

Principal nome do jornalismo político catarinense, é respeitado pela classe assim como nos campos empresarial e jurídico. A exclusividade de suas notícias se reflete na sua credibilidade.

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
Florianópolis
© 2017 NSC Comunicação
Florianópolis
© 2017 NSC Comunicação