nsc
nsc

Empresas

À espera de fusão com Marfrig, BRF finaliza venda de ativos na Europa e na Tailândia

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
05/06/2019 - 13h22
Foto: Tadeu Vilani, Agência RBS

Depois de anunciar, na última semana, que iniciou tratativas com a Marfrig para uma possível fusão que, se concretizada, criaria “um líder mundial no mercado de proteínas com ampla diversificação geográfica e de produtos”, a BRF informou na segunda-feira que concluiu a venda de 100% de suas ações em fábricas de processamento de alimentos e abate de aves na Europa e na Tailândia para a americana Tyson Internacional Holding.

O valor final da operação totalizou US$ 377 milhões, algo próximo de R$ 1,46 bilhão. Quando o negócio foi anunciado, a cifra divulgada havia sido de US$ 340 milhões. Trata-se de mais uma etapa de um processo de reestruturação financeira da companhia, que deve evoluir com a eventual fusão com a Marfrig.

Neste caso, as partes estabeleceram um prazo de 90 dias para avançar nas negociações, com possibilidade de prorrogação por outros 30 dias. Neste período, assessores vão avaliar os eventuais benefícios econômicos para ambas as empresas. Não há, por enquanto, qualquer tipo de estrutura societária definida para uma possível combinação. Não está descartada a consolidação dos ativos das duas companhias e suas bases acionárias em uma nova sociedade.

Também em comunicado divulgado ao mercado, a BRF avaliou que uma fusão poderia reduzir a “exposição aos riscos setoriais” e gerar “sinergias em virtude do equilíbrio e da complementariedade de produtos, serviços e diversificação geográfica com relevância no Brasil, Estados Unidos, América Latina, Oriente Médio e Ásia”.

De fora

Anunciado na última quinta-feira, o investimento de R$ 550 milhões da Heineken no Brasil não prevê algo específico para a marca Eisenbahn, que nasceu em Blumenau, pelo menos neste momento. O aporte será destinado à modernização das plantas de Araraquara, Itu, Jacareí e Campos do Jordão, em São Paulo, e à abertura de um novo centro de distribuição no interior paulista ainda em 2019.

Investimentos

A Multilog, empresa de Itajaí que oferece serviços de logística e armazenagem, vai investir R$ 60 milhões neste ano em ampliações estruturais, capacitação, tecnologia e geração de empregos. Com 20 unidades no Sul e Sudeste do país, a companhia projeta crescimento na receita de 20% até o fim de 2019.

Parceria

A blumenauense Effortt Brasil fechou parceria com a Exitum Consultoria, empresa specializada em gestão organizacional. Com o acordo, a Effortt levará cursos específicos de gestão de empresas para o Espírito Santo.

Saneamento

Estudo feito pela KPMG revela que Santa Catarina precisaria investir cerca de R$ 30 bilhões até 2033 para universalizar serviços de saneamento básico. O mesmo levantamento aponta que o déficit na área não existe apenas em território catarinense, sendo um problema comum a todos os estados do país.

Cheque especial

Relatório do Banco Central divulgado na última semana revela que 44% dos usuários de cheque especial têm renda de até dois salários mínimos. Essa modalidade é uma das campeãs em taxas de juros e costuma ser uma das principais fontes de dívidas dos consumidores.

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas