O empresário Salézio Martins, que quase 40 anos atrás fundou a Kyly, referência nacional em moda infantil, adicionou um novo investimento na carteira de negócios. Ele transformou a antiga casa em Pomerode, onde morou por anos, em um hotel de alto padrão. Sem muito alarde, o Village du Lac abriu as portas há poucas semanas recebendo convidados e agora já está aceitando reservas.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região por WhatsApp

A imponente propriedade é cercada por área verde. Lembra uma espécie de refúgio em meio à Mata Atlântica, embora o acesso seja pela Avenida 21 de Janeiro, uma das principais de Pomerode. Apesar do requinte, o imóvel estava desocupado há bastante tempo.

— Era um patrimônio que estava abandonado — contou Martins à coluna.

A casa já tinha oito quartos, mas não houve uma grande reforma para transformá-la em um hotel, revela Martins. À coluna, o empresário diz que apenas uma pequena ampliação precisou ser feita. Cômodos originais, como uma sala de televisão, foram repaginados para abrir espaço para mais apartamentos. O investimento beirou os R$ 5 milhões. A curadoria do projeto ficou a cargo da esposa, Claudete.

Continua depois da publicidade

Veja mais fotos do hotel

Ao todo, o Village du Lac tem 18 suítes, divididas em quatro categorias, que acomodam de duas a quatro pessoas cada. As maiores têm 32 metros quadrados e banheira de hidromassagem. Outras têm vista para lagos e piscina. A estrutura ainda dispõe de salas de leitura e de jogos, lareira, decks e heliponto. O valor médio da diária é de R$ 585.

O hotel tem capacidade para receber até 50 pessoas. Chega em boa hora para reforçar o turismo de Pomerode, que cresce ano a ano com a consolidação dos grandes eventos e de atrações culturais e de lazer, mas que ainda tem poucas opções de hospedagem.

Leia também

Estudo da Agir sinaliza para aumento da passagem de ônibus em Blumenau

Paralisação dos ônibus em Blumenau é fruto de pauta “explosiva” e prévia de briga inevitável

Starbucks consegue respiro para evitar despejo em shoppings de Blumenau

Quanto Blumenau vai pagar por show da dupla Thaeme e Thiago no Réveillon

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado pelo WhatsApp

Destaques do NSC Total