nsc
nsc

Turismo

Empresa de Florianópolis é a única interessada em explorar a marca Oktoberfest Blumenau

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
18/12/2020 - 10h47 - Atualizada em: 18/12/2020 - 11h21
Concessão Oktoberfest
Concessão prevê que empresa explore diversos tipos de produtos (Foto: Patrick Rodrigues, BD)

Uma empresa de Florianópolis é a única interessada em desenvolver produtos com a marca Oktoberfest Blumenau. A Genova, que já tem experiência no ramo de licenciamentos, apresentou na manhã desta sexta-feira (18) a documentação. A proposta técnica, agora, será avaliada por uma comissão especial da Vila Germânica. Depois a papelada volta para a Comissão de Licitações. Se tudo estiver nos conformes, a empresa será homologada vencedora do processo.

> Quer receber notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do Santa

O edital prevê que o vencedor desenvolva artigos como canecos, copos, camisas, camisetas, bonés, trajes típicos, chapéus, chaveiros, pins, ímãs de geladeira, cartazes históricos, tirantes, kit de cervejas, chocolates, licores e livros, entre outros itens. O contrato vale por 10 anos, renováveis por outros 10. Em contrapartida, a Vila Germânica receberá royalties. O valor mínimo exigido é de 4,5% sobre o valor líquido de cada produto.

Na prática, a concessão funciona como uma via de mão dupla para a prefeitura. Ao mesmo tempo em que entrega a responsabilidade de gerir a marca devidamente registrada pelo município à iniciativa privada, mantendo o controle do desenvolvimento dos itens e transferindo os riscos de pirataria ao parceiro, ainda cria uma nova fonte de receita, que vai abastecer o Fundo Municipal de Turismo.

A Genova foi fundada em 2015 e tem em seu portfólio licenciamentos para a Duracell Baterias e para a Mormaii. Um dos sócios, Luiz Gustavo Vailatti, é natural de Blumenau. Ele acumula experiência, por outra empresa, no desenvolvimento de artigos licenciados dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, que aconteceram em 2016, e também ajudou a formatar um modelo de produtos licenciados do Festival da Cerveja.

Para a marca Oktoberfest Blumenau, a proposta inicial, explica Vailatti, é criar linhas de produtos diferenciadas e voltadas a públicos distintos. Uma mais vintage, por exemplo, quer explorar slogans, músicas e cartazes antigos da festa. Outra deve mirar os mais jovens e uma terceira terá foco em artigos premium, de maior valor agregado. Para a produção dos itens, será dado prioridade a fornecedores da região.

Quer receber notícias e análises de economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região no seu celular? Acesse o canal do blog no Telegram pelo link https://t.me/BlogPedroMachado ou procure por "Pedro Machado | NSC" dentro do aplicativo.

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas