nsc
    nsc

    Coronavírus

    Empresa de SC espera aprovação da Anvisa para produzir respiradores em escala

    Compartilhe

    Pedro
    Por Pedro Machado
    21/05/2020 - 19h22
    Respirador feito pela GreyLogix
    GreyLogix investiu R$ 300 mil desenvolvimento do aparelho (Foto: Divulgação)

    A GreyLogix, especializada em soluções de automação industrial com sede em Mafra e unidade em Blumenau, espera receber até o fim deste mês de maio aval da Anvisa para iniciar a produção em escala de respiradores destinados a pacientes com Covid-19.

    ​​​> Em site especial, saiba tudo sobre o novo coronavírus

    A empresa já investiu R$ 300 mil no desenvolvimento do aparelho, entre compra de componentes, logística e mão de obra. Protótipos do equipamento, que é baseado em tecnologia da Siemens, foram feitos e testados em colaboração com o Senai-SC. Dez pessoas da equipe da empresa foram destacadas para trabalhar quase que exclusivamente no projeto.

    — Estamos em meio ao processo, trabalhando bastante para cumprir todos os requisitos e normas, tanto para adequação de nossa fábrica quanto na homologação do ventilador pulmonar em si — conta Renato Leal, CEO da GreyLogix.

    A fabricação será feita na unidade de Mafra, que já foi adequada. A expectativa, após a validação pela Anvisa, é produzir até mil unidades em um mês um custo de cerca de R$ 50 mil, bem menor do que os equipamentos importados. Segundo Leal, a empresa já recebeu diversos contatos de interessados, mas a comercialização ainda depende da aprovação do órgão de saúde.

    Quer receber notícias e análises de economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região no seu celular? Acesse o canal do blog no Telegram pelo link https://t.me/BlogPedroMachado ou procure por "Pedro Machado | NSC" dentro do aplicativo.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas