nsc
nsc

Empresas

Fábrica de cristais de Blumenau busca mercado no Estados Unidos

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
10/06/2020 - 11h32 - Atualizada em: 10/06/2020 - 11h35
Mozart Cristais
Imagens de mesas postas, como essa, chamaram a atenção dos americanos (Foto: Janine Antunes, arquivo pessoal)

A blumenauense Mozart, uma das últimas fábricas que resistem com a produção artesanal de cristais na região do Vale, está buscando mercado nos Estados Unidos. A empresa contratou duas representantes, uma em Miami e outra no Alabama, para captar pedidos em lojas americanas e alugou um espaço em um galpão compartilhado — algo comum no país — para operacionalizar a logística de distribuição.

— Nossas taças foram veiculadas em algumas páginas de mesas postas por lá e muito americano começou a nos mandar mensagem — diz o diretor Gabriel Vidigal.

A Mozart já fez três vendas diretas para os EUA destinadas a pessoas físicas. Foram pedidos grandes, segundo Vidigal, mas a ideia é comercializar qualquer tipo de peça - o forte da empresa são as linhas de taças — a preço de varejo, com compras feitas a partir do site. A marca também criou uma conta em inglês no Instagram, para facilitar a comunicação com potenciais clientes.

A busca por outros mercados é uma tentativa de diversificar as vendas. Com a pandemia e o fechamento de lojas, os estoques da empresa aumentaram.

Quer receber notícias e análises de economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região no seu celular? Acesse o canal do blog no Telegram pelo link https://t.me/BlogPedroMachado ou procure por "Pedro Machado | NSC" dentro do aplicativo.

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas