nsc
nsc

publicidade

Tecnologia

Governo de SC avalia replicar modelo do programa Entra21 em outras cidades

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
09/10/2019 - 15h22 - Atualizada em: 09/10/2019 - 15h26
Secretário Lucas Esmeraldino destacou a iniciativa na formatura dos novos alunos (Foto: Julio Cavalheiro, Secom, Divulgação)

Presente à cerimônia de formatura de 300 novos alunos do programa Entra21, na manhã desta quarta-feira em Blumenau, o secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável do Estado, Lucas Esmeraldino, deixou no ar que o Estado estuda replicar o bem-sucedido formato da iniciativa em outras cidades. Já houve conversas preliminares.

À coluna, Esmeraldino disse que o modelo agrada, mas que ainda não há qualquer tipo de definição a respeito. O Entra21 é desenvolvido pelo Blusoft, entidade que apoia o setor tecnológico de Blumenau, e oferece aulas gratuitas de computação, programação e informática a jovens, com apoio do poder público - prefeitura e governo do Estado fazem aportes anuais. Desde que foi criado, já treinou cerca de 4,3 mil pessoas, muitas delas empregadas em companhias instaladas na cidade.

Sobre Blumenau, o secretário lembrou que a cidade é o berço da informática catarinense. Citou um exemplo dessa referência: dentista por formação, disse que o software utilizado em seu consultório foi desenvolvido por uma companhia local.

Imprevisto

Um dente quebrado e uma consulta de emergência ao dentista fizeram o governador Carlos Moisés (PSL) perder a cerimônia de formatura das novas turmas do Entra21 nesta quarta-feira, no Teatro Carlos Gomes. A presença dele, até então, estava confirmada. Moisés foi representado no evento pelo secretário Lucas Esmeraldino, que é dentista por formação. A ironia do destino não passou despercebida.

Deixe seu comentário:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade