nsc
nsc

Empresas

Nova perícia mostra que marca Sulfabril perdeu ainda mais valor de mercado

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
06/10/2020 - 09h42
Sulfabril
Perícia apontou que conjunto de marcas da antiga empresa vale R$ 2,43 milhões (Foto: Lucas Amorelli, BD)

Uma nova perícia revelou que o conjunto de marcas da antiga Sulfabril vale R$ 2,43 milhões, quantia menor do que a apontada em análises anteriores. O laudo já foi apresentado à Justiça, que abriu prazo para as partes envolvidas se manifestarem. Passada esta etapa será marcado o leilão para tentar vender um dos últimos ativos da companhia. O dinheiro arrecadado será usado para ajudar a pagar o restante das dívidas, principalmente com ex-funcionários.

> Quer receber notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do Santa

A avaliação foi feita por Edson Roberto Scharf, professor do programa de pós-graduação em Administração da Furb e doutor em Engenharia e Gestão do Conhecimento na área de Marketing pela UFSC, onde defendeu uma tese sobre a proposta de valor na construção de identidade de marcas. Scharf foi nomeado judicialmente para o trabalho em setembro do ano passado.

O novo laudo foi determinado pela Justiça após uma tentativa de leilão da marca, em julho de 2019, ser suspensa. Houve contestações, à época, sobre valores. Uma perícia apontava R$ 3,36 milhões, mas os antigos donos da empresa sustentavam que a marca valia muito mais, R$ 40 milhões. O impasse fez a juíza Quitéria Tamanini Vieira Péres, responsável pelo processo de falência da Sulfabril, encomendar uma terceira avaliação.

A diferença substancial de valores se deve ao tempo. O laudo que apontava R$ 40 milhões é de 2012, quando a empresa ainda estava ativa. Na análise, Scharf considerou que marcas fora de atuação tendem a ter o reconhecimento minimizado, e a atuação de concorrentes em seu lugar pode ampliar a distância entre as grifes mais lembradas e valorizadas. 

Outro ponto destacado foi a atual falta de conexão da marca com uma operação fabril, já que todos os ativos da Sulfabril já foram vendidos. Isso interferiria nas projeções de produção, oferta, penetração de mercado e faturamento.

Quer receber notícias e análises de economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região no seu celular? Acesse o canal do blog no Telegram pelo link https://t.me/BlogPedroMachado ou procure por "Pedro Machado | NSC" dentro do aplicativo.

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas