nsc
nsc

Destaque do ano

"It Takes Two" – um dos melhores jogos de 2021

Compartilhe

Pensando
Por Pensando Sobre Games
25/11/2021 - 07h00
Personagens Cody e May, do game It Takes Two
Personagens Cody e May, do game It Takes Two (Foto: EA/Divulgação)

Esses dias saíram as indicações da talvez mais famosa premiação de games. Não vou falar muito dela porque acho que o Bafta faz escolhas bem mais interessantes, e menos relacionadas ao custo de produção de cada jogo. Porém, fiquei feliz que uma premiação conhecida indicou um game que, quando eu joguei, pensei “este tem que ser um dos melhores do ano”.

Estou falando do It Takes Two. É um jogo de plataforma 3D cooperativo. E essa parceria não é só para colocar na descrição do game, ela é obrigatória. Isso pode parecer uma barreira para você que geralmente joga sozinho. Porém, It Takes Two é um jogo muito camarada. A minha impressão é de que você não precisa de um outro bom jogador para se aventurar com você, pode escolher alguém que não tenha muita experiência com videogames.

Personagens Cody e May em cima de sapos
Personagens Cody e May em cima de sapos
(Foto: )

Também tem o “passe de amigo”, em que você que tem o jogo pode compartilhá-lo com outro jogador que não tenha comprado o game, para que vocês dois possam jogar juntos. Mas nada disso explica por que este jogo pode ser considerado um dos melhores do ano.

É hora agora de imaginar uma obra bem criativa. Isso é It Takes Two. O game não só tem ótimos controles e privilegia a boa jogabilidade, como é divertidíssimo de jogar. Há dois protagonistas: um moço e uma moça. Eles eram um casal, mas decidiram se divorciar. Eles contam isso para a filhinha deles, que fica bem triste.

Misteriosamente, eles se transformam em bonecos. E você e seu player 2 vão jogar pela aventura deles para recuperar a forma humana.

Já falei que o jogo é criativo, mas vou me repetir. É mágico. É um prazer ver um estúdio que entende tão bem o que é a mídia videogame. O que este jogo privilegia é o quão divertido é jogá-lo. É o quanto é legal apenas brincar com os protagonistas, vencer os desafios, os quebra-cabeças.

Além de ótimas mecânicas, o game é bem variado. Você não vai ficar sempre fazendo as mesmas coisas. O título também transcende o ser apenas um jogo de plataforma 3D. Às vezes, ele é um game de tiro em terceira pessoa. Em outras horas, é de corrida. Em um determinado momento, até tem uma luta no maior estilo Street Fighter II.

Personagens May e Cody atiram em It Takes Two
Às vezes, It Takes Two é um jogo de tiro
(Foto: )

Neste sentido, It Takes Two lembra alguns dos melhores games de plataforma 3D, como Super Mario Galaxy, ou Banjo-Kazooie. E merece, na minha singela opinião, estar no hall da fama desse gênero de jogos.

> Pensando sobre Games: O sábado de manhã

A história não interrompe a jogabilidade, mas serve como uma forma de explicar por que os personagens estão naquela situação. Ela não é revolucionária e nem tenta ser uma série da HBO. Mas é tocante. Fala de situações do dia a dia dos relacionamentos que você vai identificar na sua própria vida.

Personagens May e Cody, de It Takes Two, enfrentam abelhas
Personagens de It Takes Two enfrentam abelhas
(Foto: )

Pela muito bem-vinda criatividade e pela filosofia de diversão acima de tudo, acho que It Takes Two muito merece ser lembrado como um dos melhores jogos de 2021. Se você não o jogou ainda, saiba que ele está disponível para PC, Xbox e Playstation, já recebeu descontos na Steame está no serviço de assinatura EA Play.

Independente de ele vencer ou não a premiação, acho que é um jogo que dá para recomendar para qualquer pessoa apaixonada pela mídia videogames. Só um aviso: se você tinha quando criança um bichinho de pelúcia favorito, que você adorava e levava para todos os lugares, provavelmente vai sofrer um pouco. Mas prometo que o jogo vale a pena.

Leia mais:

> Como é não ter um Xbox Series X e um PS5 - um ano depois

> Top 5 jogos baseados em filmes

Joana Caldas - Pensando Sobre Games

Colunista

Pensando Sobre Games

Um espaço dedicado aos videogames. A jornalista Joana Caldas aborda novidades e jogos saudosos, além de debater tendências e refletir sobre o que torna este hobby tão divertido e apaixonante.

siga Pensando Sobre Games

Joana Caldas - Pensando Sobre Games

Colunista

Pensando Sobre Games

Um espaço dedicado aos videogames. A jornalista Joana Caldas aborda novidades e jogos saudosos, além de debater tendências e refletir sobre o que torna este hobby tão divertido e apaixonante.

siga Pensando Sobre Games

Mais colunistas

    Mais colunistas