A Lagoa da Conceição, em Florianópolis, não possui mais áreas disponíveis para serem urbanizadas. A informação foi divulgada em evento promovido pelo Sinduscon e Secovi, que tratou do novo Plano Diretor. Os dados apresentados são oficiais e foram coletados em órgãos da prefeitura.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O ponto turístico e bairro famoso da Capital tem 86% de área de preservação ambiental (APP) e 14% de área urbanizada. Chegou no limite. Na prática, significa dizer que não há a possibilidade de que terrenos não ocupados se transformem em loteamentos e novas ruas sejam abertas no bairro Lagoa da Conceição.

Importante esclarecer que os loteamentos já autorizados e terrenos que estão em ruas já oficiais e estabelecidas continuam com possibilidade de receber edificações públicas ou privadas.

A Lagoa da Conteição apresentou índice de -0,28% em relação às áreas disponíveis para urbanização. Ou seja, significa dizer que a região está saturada. Depois da Lagoa, o ranking com menores taxas de áreas disponíveis para contrução são o Continente (3,08% de área livre para ser urbanizada) e Santo Antônio de Lisboa (6,34%).

Continua depois da publicidade

Leia Mais:

Canasvieiras, Rio Vermelho e Campeche são os bairros de Florianópolis com mais áreas livres para construir; veja lista

Destaques do NSC Total