nsc
nsc

Futuro político

Só um milagre salva Moisés e Daniela no Tribunal de Julgamento do impeachment

Compartilhe

Renato
Por Renato Igor
21/10/2020 - 06h04
Votação fez novo impeachment avançar na Alesc
Votação fez novo impeachment avançar na Alesc (Foto: Diórgenes Pandini/ NSC Total)

O governo Moisés jogou a toalha na briga por votos dos deputados estaduais para impedir o impeachment. Na votação desta terça-feira (20) não houve sequer pedido de votos nos bastidores para tentar reverter a intenção dos parlamentares.

A líder do governo na Assembleia Legislativa (Alesc), deputada estadual Paulinha (PDT), disse antes da sessão que era “jogo jogado” e que a esperança está toda depositada no Tribunal de Julgamento marcado para esta sexta-feira (23).

Na prática, significa dizer que na política o governo já desistiu e aposta tudo na discussão técnica e jurídica por parte dos seis desembargadores do Tribunal de Justiça (TJ).

A cena dos secretários estaduais e demais membros do primeiro e segundo escalões do governo Moisés/Daniela caminhando, cabisbaixos, pelo saguão da Alesc após a votação acachapante que fez avançar o segundo impeachment é simbólica.

O governo tem na próxima sexta-feira uma final de Copa do Mundo em que começa o jogo perdendo por 5 x 0 e depende de uma virada histórica de 6 x 5 para vencer. Não é tarefa fácil.

>Força-tarefa recolhe mais de 200 cobertores de moradores de rua em Florianópolis

Em condições normais de temperatura e pressão, tudo indica que a partir de segunda-feira (26) Santa Catarina terá um novo governador interino.

>Hospital Unimed da Grande Florianópolis reduz e suspende cirurgias após aumento de casos de Covid-19

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Mais colunistas

    Mais colunistas