nsc
    nsc

    ESPORTES

    Uma boa semana para o futebol catarinense

    Compartilhe

    Roberto
    Por Roberto Alves
    23/11/2020 - 11h25
    Podemos ter uma boa semana para o futebol catarinense
    Podemos ter uma boa semana para o futebol catarinense (Foto: Felipe Carneiro / BD, NSC Total)

    Entramos em mais uma semana que pensamos ser muito produtiva, a julgar pelo que vimos dos últimos jogos catarinenses em nível nacional. Três jogos na Série B: vencemos dois e empatamos um, fora de casa. Muito bom.

    > Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

    O JEC ganhou o seu jogo com o Marcílio Dias no sábado pela Série D, enquanto o Tubarão empatou com o Caxias. A rigor apenas uma derrota, e foi de um dos bons times deste ano, o Brusque.

    A considerar a pandemia que está afetando todos os clubes, o Brusque é um deles. Perdeu para a Tombense e precisa agora de uma vitória para classificar para a próxima etapa. Joga sábado, em casa, às 15h, contra o Volta Redonda do Estado do Rio de Janeiro.

    Avaí Kindermann: empate com o Corinthians foi bom resultado

    Avaí Kindermann empata com o Corinthians no primeiro jogo da final do Brasileirão Feminino
    Avaí Kindermann empata com o Corinthians no primeiro jogo da final do Brasileirão Feminino
    (Foto: )

    O primeiro jogo da final do Campeonato Brasileiro de futebol feminino nos mostrou um Corinthians bem superior ao Avaí/Kindermann. O time catarinense joga com a semelhança do Avaí masculino na Série B. Marca, se fecha e tenta o contra-ataque. Não tem trabalho de bola e poder ofensivo. 

    Vale o registro de que há quatro anos o Corinthians investe no feminino com sucesso e metade da seleção brasileira pertence ao Timão. No jogo do domingo a noite o Corinthians abusou de perder gols e o 0 a 0 ficou de bom tamanho para as catarinenses, que vão tentar o mais difícil no dia 6 de dezembro na arena Corinthians. Novo empate e o título vai para a disputa de penaltis.

    Figueirense 

    A dupla da Capital volta a campo. O Figueirense, que mostrou em Belo Horizonte um pouco mais de organização tática, disposição, melhor na marcação e em alguns momentos foi para cima do Cruzeiro, recebe o bom time do Sampaio Correia às 17h30 no Scarpelli.

    O novo time do Figueirense dá sinais de que vai assimilar fácil o esquema do novo técnico, ou pelo menos o seu conceito de jogo.

    Os novos Guilherme Teixeira, Renan Luiz,, Léo Arthur, Lucas Barcelos estão confirmados. Foram de boa regularidade com Léo Arthur marcando um golaço em lançamento de Bruno Michels.

    Ele e Diego Gonçalves voltaram a mostrar disposição e, pela ausência de Matheus Néris, que voltou bem mas está fora pelo terceiro cartão, Eliéser pode se enquadrar a posição dentro da nova postura do time.

    O adversário foi batido em casa pelo melhor time do brasileiro, a Chapecoense. Não deixa de ser uma boa equipe que briga para chegar a elite do futebol.

    Avaí

    O Avaí joga um pouco mais tarde, às 20h, em Ribeirão Preto contra o Botafogo precisando subir um pouco mais na tabela. Com 33 pontos o Avaí começa uma nova rodada em sexto lugar contra um adversário que é o penúltimo colocado.

    O fato de jogar em casa no momento atual não significa nada, levando-se em consideração que não há torcida presente. O jogo fica igual lá ou aqui.

    O Avaí vem de vitória difícil contra o Confiança quando não encontrou caminhos mais tranqüilos para jogar contra um adversário que teve um tempo inteiro com apenas dez jogadores em campo. Foi o Confiança a melhor chance de gol no fim do jogo que acabou não marcando.

    O Avaí não terá Jean Martin com terceiro cartão. Abre-se aqui uma chance para um novo meio de campo além de Jonathan abrindo espaço para Getulio ou até um centro avante de oficio no caso de três atacantes.

    > Mário Jr, que já foi o melhor líbero do mundo no vôlei, escolheu Floripa para morar

    Chapecoense

    A Chapecoense vai a campo nesta terça-feira, às 21h30, quando recebe o Cruzeiro em casa. 

    Memória 

    Esporte Clube Ferroviário, hoje clube Atlético Tubarão
    Esporte Clube Ferroviário, hoje clube Atlético Tubarão
    (Foto: )

    Este é o Esporte Clube Ferroviário, hoje clube Atlético Tubarão. O time da foto foi vice-campeão estadual de 1954 com a final em Florianópolis contra o Caxias de Joinville depois de dois empates em Joinville e Tubarão.

    Em pé a partir da esquerda, Pipa, Bega, Edu, Carequinha, Tito e Dandoline. Agachados, Xuxu, Lourinho, Reming, Mangueira e Norzinho.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas