nsc

publicidade

Obra

Ampliação da rua João Colin, prevista desde 1973, é oficialmente descartada em Joinville

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
10/08/2019 - 14h00
(Foto: Carlos Junior)

Nesta semana, entrou em vigor lei que retirou a ampliação da João Colin em toda sua extensão, entre a JK e a Dona Francisca. A obra estava prevista desde o plano viário de 1973 e estava completamente descartada porque os montantes necessários para as desapropriações seriam milionários. Mas a lei, do jeito que estava, cria dificuldades legais.

Plano viário

Lançada em janeiro, com apresentação de propostas em fevereiro, a manifestação de interesse para contratação de consultoria para elaboração do novo plano viário de Joinville ainda não foi concluída. Seis empresas apresentaram propostas. Após a contratação, a escolhida terá 20 meses para concluir o trabalho. O novo plano viário é apontado como prioridade porque o atual, de 1973, está defasado e cria entraves em determinadas regiões – principalmente por causa de vias projetadas que jamais sairão do papel. A contratação inclui realização de pesquisas de origem e destino dos deslocamentos.

Dois meses

Ninfo König (PSB) exibiu nas redes sociais o requerimento com pedido de abertura da CPI das obras de drenagem do rio Mathias. O objetivo é apurar as causas de demora e se não houve falhas no projeto e na execução. O documento é de 10 de junho e conta com seis assinaturas. Portanto, hoje completa-se dois meses da luta da oposição atrás da sétima assinatura, necessária para a instalação da comissão parlamentar de inquérito.

Curtas

O que falta

Apesar do entusiasmo do governo Udo com a possibilidade de lançamento do edital para a construção da Ponte Joinville, o IMA ainda não marcou a audiência pública do licenciamento ambiental.

Na mesma

Ainda que as mudanças nas direções do DEM e Podemos de Joinville já estejam decididas, com Adalto Moreira e Cleonir Branco como presidentes, nada foi alterado no sistema de registro partidário da Justiça Eleitoral. Mas tem tempo.

Tapumes

Neste sábado, a Praça Nereu Ramos terá parte da área interditada com tapumes. O isolamento será necessário para a instalação da galeria subterrânea de concreto da macrodrenagem do rio Mathias. A galeria vem da Jerônimo Coelho, cruzará a rua do Príncipe e a praça antes de seguir pela Jerônimo Coelho em direção às ruas Pedro Lobo e Visconde de Taunay. 

Sondagem

Em conversa na sexta com Fabio Dalonso (PSD), Coronel Armando sondou o vereador sobre a possibilidade de o vereador se filiar ao PSL, o partido do deputado federal. O vereador agradeceu, mas alegou não ter motivos, neste momento, para deixar o PSD. Dalonso é pré-candidato à reeleição. Em 2018, Coronel Armando queria que Dalonso concorresse a deputado.

Deixe seu comentário:

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade