Tema de inquérito civil aberto em 2020 pelo Ministério Público de Santa Catarina, a instalação de ciclofaixa em Pirabeiraba terá audiência pública nesta terça na Câmara de Joinville. O encontro começa às 19h30. Na semana passada, o Pedala Joinville divulgou nota em defesa da via para ciclistas. “A implantação de ciclofaixas não prejudica o comércio, como já se verificou em vários logradouros de Joinville”, afirmou a associação, defendendo a ciclofaixa na rua Olavo Bilac. Há mais vias em Joinville sendo alvo de inquérito por causa de falta de vias para ciclistas, como as ruas Paraíba e Concórdia.

Continua depois da publicidade

A instalação da ciclofaixa foi prevista em audiência pública realizada pela Câmara de Joinville em 2019, em discussão sobre o futuro binário das ruas Olavo Bilac e Conselheiro Pedreira. O binário não saiu, mas a Olavo Bilac foi uma das vias de Pirabeiraba que passou por requalificações em 2020. Como a ciclofaixa não foi incluída, o MP abriu a apuração no mesmo ano, citando lei estadual sobre o tema.

Em resposta à promotoria, ainda em 2020, a prefeitura citou a instalação de ciclofaixa de 800 metros na Conselheiro Pedreira e alegou que o binário não foi instalado porque não houve consenso entre os moradores. Assim, a ciclofaixa na Olavo Bilac ficou para outro momento. O MP manteve o inquérito e passou a tentar um acordo (TAC).

Em 2021, o Conseg de Pirabeiraba se manifestou sobre a ciclofaixa, com proposta de instalação em outra via, com a alegação de maior segurança aos ciclistas, além da possibilidade de continuidade com outras ruas. Para a Olavo Bilac, a sugestão foi de calçada compartilhada entre ciclistas e pedestres. Em agosto do ano passado, a prefeitura alegou que eventual decisão sobre o binário dependeria do novo Plano Viário, mas de que a ciclofaixa poderia ser executada em até seis meses. Como o prazo se encerrou, o Pedala Joinville se manifestou na semana passada.

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total