nsc
nsc

Sistema prisional

Coronavírus em Joinville: detentos iniciam a fabricação de máscaras

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
14/04/2020 - 15h07
Maquinário também está sendo utilizado na produção de máscaras (foto: Divulgação)
Maquinário também está sendo utilizado na produção de máscaras (foto: Divulgação)

A produção de máscaras foi iniciada nesta semana no complexo prisional de Joinville. Em um primeiro momento, os equipamentos de proteção serão utilizados internamente na Penitenciária Industrial e no Presídio Regional, à disposição de funcionários e detentos. A partir da próxima semana, os produtos passam a ser distribuídos para a população, em critérios a serem definidos pela Secretaria de Saúde de Joinville. As direções da penitenciária e do presídio continuam buscando doações de materiais.

Em site especial, saiba tudo sobre coronavírus

Na tarde desta terça-feira, o juiz João Marcos Buch visitou o complexo para verificar a capacitação dos detentos a produção das máscaras. “Tudo dentro do padrão e com coordenação profissional”, afirmou Buch, corregedor do sistema prisional de Joinville.

Inicialmente, a capacidade de produção é de 400 máscaras por dia, com meta de chegar a 1 mil/dia. O trabalho dos detentos é voluntário e o plano é manter sempre 15 deles na produção dos equipamentos. A maior quantidade de máscaras vai depender de mais doações de tecidos e elásticos.

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Mais colunistas

    Mais colunistas