O PSD não pretende ter candidato próprio na eleição municipal de Joinville em 2024. O partido, que chegou em segundo lugar na disputa pela prefeitura em 2016 e 2020, garante que a prioridade é montar uma nominata competitiva para a Câmara de Vereadores. “Não sou candidato e o PSD, em princípio, não terá candidato, a não ser que surja outro nome, mas nem estamos procurando”, diz o ex-deputado federal Darci de Matos, o candidato a prefeito em 2016 e 2020 – Darci concorreu também em 2008, pelo DEM.

Continua depois da publicidade

Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Na semana passada, um grupo do PSD visitou o prefeito Adriano Silva (Novo). Além de Darci, o partido esteve representado pelo deputado Julio Garcia e o presidente estadual, Eron Giordani. A agenda foi uma retribuição à visita anterior de Adriano. O PSD também esteve com o presidente da Câmara de Joinville, Diego Machado (PSDB). O vereador foi convidado para se filiar ao PSD – Diego ficou de analisar.

Sem mandato após não conseguir a reeleição na Câmara dos Deputados na eleição do ano passado, Darci está participando das tratativas para a montagem da chapa para eleição para a vereador. O PSD tem dois vereadores em Joinville (Kiko do Restaurante e Pastor Ascendino Batista). O ex-deputado considera cedo abordar possíveis alianças para a eleição do prefeito, mas considera plausível o lançamento de um nome do PSD para vice-prefeito.

Análise de contratação pela prefeitura de Joinville é arquivada

Continua depois da publicidade

Lei ambiental de Joinville tem apoio de grupo de entidades

Educação infantil em Joinville terá central de vagas e regras sobre lista de espera

Número de candidatos a vereador em 2024 em Joinville não deve repetir 2020

Proposta de parque do Cachoeira, em Joinville, prevê cais flutuantes

Destaques do NSC Total