nsc
    nsc

    Sistema prisional

    Superlotação: mutirão deve avaliar situação penal de presos do Presídio Regional de Joinville

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    21/06/2019 - 12h00
    (Foto: Salmo Duarte / A Notícia)

    Nas medidas a serem tomadas após a reunião de quarta-feira para avaliar as condições do Presídio Regional de Joinville, está a realização de mutirão para avaliar a situação penal de cada um dos detentos. A OAB de Joinville e a Defensoria Pública deverão se manifestar sobre o tema. O mutirão seria uma forma de oferta da assistência jurídica de quem não tem condições de bancar a defesa. 

    Em outra frente, em sugestão do Ministério Público, os juízes criminais da comarca de Joinville vão receber comunicação com sugestão para que seja analisada a possibilidade de adoção do monitoramento eletrônico (tornozeleiras) – caso a situação do detento permita tal providência. Seja no mutirão e no uso de mais tornozeleiras, a meta é tentar reduzir a superlotação no presídio. 

    Inclusão

    Claudio Aragão quer a criação da medalha Lia Rosa da Silva Jardim de Santis para homenagear pessoas com destaque em ações de inclusão em Joinville. A professora Lia foi a fundadora da Apae em Joinville, em 1965. 

    Divergências

    Claro que a opinião decisiva é a do prefeito Udo Döhler. Mas, no seu governo, o futuro das obras do rio Mathias aparenta estar longe de ter uma posição de consenso.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas