nsc
    nsc

    Ação Popular

    TJ vai julgar recurso sobre convênio com bombeiros voluntários em Joinville

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    12/10/2019 - 14h30
    (Foto: Salmo Duarte / A Notícia)

    No dia 22, o Tribunal de Justiça julga recurso do cidadão autor de ação popular contra o convênio da Prefeitura de Joinville com os bombeiros voluntários para a vistoria das normas de segurança e prevenção de incêndio em edificações. No ano passado, liminar foi negada em primeira instância. Em parecer sobre o recurso em análise no TJ, o MP alegou que o convênio tem previsão legal – a ação do MPF contra a lei estadual de delegação das vistorias pelos municípios ainda não foi julgada pelo STF.

    A PPP

    No plano de governo de Udo para o segundo mandato, está a busca de parceria público-privada (PPP) para “modernização” e “automação” do parque da iluminação pública. A PPP acabou não sendo criada e provavelmente nem chegou a ser examinada: o modelo é o mesmo de administração anteriores, com empresas privadas (no caso atual, um consórcio) fazendo a prestação do serviço. A modernização com lâmpadas LED, por exemplo, também prometida na campanha, foi levada adiante por meio do consórcio.

    O eixo

    A duplicação do eixo industrial de Joinville, a ligação ao Distrito Industrial pela BR-101, continua no radar do governo do Estado. A obra que foi licitada no governo anterior teve pedido de licença ambiental protocolado há pouco mais de um mês. Ou seja, ainda está dentro de prazo razoável.

    ​Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas