nsc
    nsc

    Encaixou

    Moisés encontra lugar para Esmeraldino no governo

    Compartilhe

    Upiara
    Por Upiara Boschi
    07/12/2018 - 16h48 - Atualizada em: 07/12/2018 - 17h29
    Lucas Esmeraldino
    (Foto: )

    Lucas Esmeraldino, presidente estadual do PSL, será secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável na gestão do governador eleito Carlos Moisés (PSL). Para quem diz que não é da política, o comandante mostra talento na solução encontrada para alojar o correligionário na máquina. Na Casa Civil, onde também era especulado, Esmeraldino estaria no coração da gestão e teria trato diário com os parlamentares - relação esta que tem algumas pontas ainda soltas, especialmente na própria bancada eleita do PSL.

    A pasta de Desenvolvimento Sustentável tem força política e lida diretamente com o PIB catarinense. Esmeraldino ganha uma ribalta de prestígio sem ofuscar o governo Moisés. Aliás, foi justamente o que aconteceu no primeiro mandato de Raimundo Colombo (PSD).

    Na época, o lageano escolheu a mesma secretaria como destino de Paulo Bornhausen - alguém que precisava nomear, mas não queria por perto. Bornhausen fez daquele feudo um governo paralelo de onde sairam boa parte das iniciativas que marcaram o primeiro governo Colombo, como o programa Juro Zero. É a chance de Esmeraldino, que recebe a pasta ainda mais fortalecida por absorver o turismo na reforma administrativa.

     

    Leia também:

    Servidores estaduais cedidos a outros órgãos custam R$14,5 milhões por ano ao poder executivo

     

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas