A cidade de Palhoça completa 130 anos de existência nesta quarta-feira (24). As celebrações do aniversário vão contar com Feirão de Empregos, exposição de carros antigos, DJs e bandas locais e até show nacional da Banda Sambô. A programação de eventos tem início na sexta-feira (26).

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

Na sexta-feira (26) acontecerá um Feirão de Empregos no Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), localizado na Ponte do Imaruim, das 08h às 17h. O evento é organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Já no sábado (27), a partir das 11h, haverá a inauguração da Avenida Jorge José da Rosa, via que liga o Vale Verde ao Bairro São Sebastião.

Ainda no sábado, das 09h às 18h, a Praça das Bandeiras receberá a Grande Feira de Artesanato e também a Final do Canta Palhoça. A programação inclui exposição de carros antigos, área kids e atrações musicais locais.

Continua depois da publicidade

No domingo (28), das 10h às 22h, haverá uma confraternização na Praça das Bandeiras, no Centro da cidade, com área de recreação infantil, praça de alimentação com food trucks, corte de bolo às 15h, apresentação dos vencedores do 3º Canta Palhoça, Stamntisch, DJ, banda local e um show nacional com a Banda Sambô.

A fundação de Palhoça

O município foi fundado em 24 de abril de 1894 e, desde então, passou por diversas transformações. Segundo o Censo do IBGE, Palhoça tem 222.598 habitantes. Ela registrou um crescimento de 62,09% em comparação ao Censo de 2010.

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego mostram que a cidade teve um saldo de 664 novos postos de trabalho formal criados em fevereiro deste ano, colocando Palhoça como a cidade da Grande Florianópolis que mais gerou empregos em 2024.

Palhoça também é responsável por 65% de toda a produção da maricultura nacional, que a coloca como a cidade que mais produz mariscos no Brasil. A produção de mariscos na região de Palhoça é responsável pela manutenção de, pelo menos, 600 empregos diretos. Palhoça foi a primeira cidade do país a legalizar todas as áreas de cultivo, com as licenças ambientais necessárias para criação de marisco, ostras e algas.

Continua depois da publicidade

Leia mais

Palhoça terá cinema gratuito e ao ar livre neste sábado

Iluminação pública de Palhoça já está 100% modernizada com luminárias de tecnologia LED

Destaques do NSC Total