nsc
santa

LEMBRANÇA DOLORIDA

22 fotos inéditas revelam a proporção e o horror da Tragédia de 2008 no Vale do Itajaí

Ao todo, 135 pessoas morreram em Santa Catarina e milhares de famílias perderam as casas onde viviam

22/11/2021 - 08h39 - Atualizada em: 22/11/2021 - 14h46

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Rastro de destruição por onde os morros deslizaram levando o que tinha na frente
Rastro de destruição por onde os morros deslizaram levando o que tinha na frente
(Foto: )

A Tragédia de 2008 ficou marcada na memória dos moradores do Vale do Itajaí. Não importa quanto tempo passe, a cada 22 de novembro novas histórias se revelam sobre um dos episódios mais trágicos da história de Santa Catarina. 

Uma catástrofe que tirou a vida de 135 pessoas. Foram 24 só em Blumenau, outras 47 em Ilhota e mais 19 na vizinha Gaspar. Isso sem falar nas milhares de famílias que perderam as casas onde viviam e foram viver em abrigos. 

> Receba notícias do Vale do Itajaí pelo WhatsApp

Para marcar a passagem dessa data, que hoje serve de alerta para o ocupação de áreas de risco, o Santa separou 22 fotos dos arquivos da época e que até então não tinham sido publicadas. As imagens revelam a dor das perdas, o desafio dos resgates, a luta pela sobrevivência e, por fim, o recomeço. 

Veja na galeria abaixo:

Leia também

Tragédia de 2008: no dia 21 de de novembro, o Vale do Itajaí começava a desmoronar

“Transformamos o luto em luta”, diz moradora que perdeu 14 familiares em Ilhota

Relembre como foi novembro de 2008, o mês da maior tragédia ambiental de SC

“O fogo transformou a noite em dia”, relembra agricultor sobre explosão

Colunistas