nsc
nsc

Cultura

6 destinos nacionais para se sentir no exterior

Veja como conhecer sobre culturas internacionais sem sair do Brasil

27/07/2022 - 13h00

Compartilhe

Portal
Por Portal EdiCase
Vista da cidade de Blumenau, em Santa Catarina
Influência de países estrangeiros estão presentes em cidades do Brasil
(Foto: )

O Brasil é um país muito rico em cultura e tradições e estes são alguns dos critérios que atraem muitos turistas estrangeiros para território nacional. No entanto, também é possível identificar pequenos pedaços de destinos internacionais em cidades brasileiras. As influências podem ser vistas em comunidades de países europeus que se instalaram aqui ou em costumes espirituais asiáticos, entre outras curiosidades.

> Clique aqui e receba notícias no WhatsApp

De acordo com uma pesquisa realizada pela Booking.com, 84% dos brasileiros gostam mais de viajar domesticamente e 88% se sentem encorajados a continuar viajando por aqui no futuro. Tendo esses dados em vista e passeando por localidades cheias de costumes importados, a plataforma on-line traz 6 indicações de destinos brasileiros para quem quer viajar para fora, mas sem precisar sair do país.

> 5 destinos brasileiros para curtir com as crianças nas férias

1. Alemanha em Blumenau (Santa Catarina)

É impossível não reparar na influência germânica que existe em Blumenau. A cidade, que leva o nome de seu fundador (o alemão Hermann Bruno Otto Blumenau), abriga hoje a maior Oktoberfest que existe fora do país europeu – o que lhe rendeu o título de Capital Brasileira da Cerveja. Junte a culinária típica, a arquitetura e o clima friozinho e o viajante nem precisa atravessar o oceano para conhecer um pedacinho da Alemanha.

Onde se hospedar: O Blumenau 602 Loft é uma opção ótima para casais, especialmente aqueles mais urbanos e descolados — a acomodação tem nota 9,7 para viagem a dois. O apartamento fica localizado a 1,4 km da Vila Germânica, onde acontece a Oktoberfest e onde o turista pode conferir parte da influência germânica de forma mais presente.

2. Finlândia em Penedo (Rio de Janeiro)

É na cidade de Penedo, no sul do estado do Rio de Janeiro, que fica a única colônia finlandesa do Brasil, criada pelo agricultor Toivo Uuskallio, que chegou ao local em 1929. Lá, o turista pode até visitar a Pequena Finlândia, um shopping a céu aberto que conta com lojas de artesanato, boa gastronomia e a famosa Casa do Papai Noel. Mas se engana quem pensa que só vale visitar a localidade no clima frio: há cachoeiras lindas a serem exploradas na região.

Onde se hospedar: Que tal celebrar a cultura escandinava se hospedando na Pousada Viking Penedo? A acomodação faz referência aos exploradores nórdicos super populares em filmes e seriados. Esta pousada aconchegante fica a menos de 1 km da Pequena Finlândia e a cerca de 5 km da Cachoeira de Deus. Há, ainda, pontos de interesse famosos próximos à Pousada, como o Museu Finlandês, a Casa do Chocolate e o Shopping Vale dos Duendes.

> 4 lugares para curtir as férias em solo brasileiro

3. Holanda em Holambra (São Paulo)

Junte algumas das primeiras letras de Holanda, América do Sul e Brasil e você terá a cidade de Holambra, uma localidade no interior de São Paulo fundada em 1991, mas que abriga refugiados neerlandeses desde 1940, época da Segunda Guerra Mundial. O local é famoso, hoje, pelo cultivo de flores, especialmente as tulipas, hábito famoso nos arredores de Amsterdam e outras cidades dos Países Baixos. Holambra, inclusive, abriga a ExpoFlora, maior evento da cidade que é nacionalmente conhecido pela exposição de flores, pela chuva de pétalas e as demonstrações de cultura holandesa.

Onde se hospedar: O 1948 Hotel leva esse nome em homenagem ao ano em que os holandeses chegaram à Holambra, mas de antiguidade ele só tem mesmo isso, já que se trata de uma acomodação supermoderna. Está localizado no centro da cidade, o que garante que o hóspede esteja bem perto de restaurantes, pontos turísticos e feiras – o que pode ser feito de bicicleta, oferecida pelo hotel.

4. Índia em Campos do Jordão (São Paulo)

Os Ashrams surgiram na Índia e são locais para onde as pessoas vão em busca de paz e harmonia em meio à natureza, a fim de mergulhar no autoconhecimento e promover a paz interior. Um dos mais famosos desse tipo de templo no Brasil fica localizado em Campos do Jordão, e a escolha não é à toa.

No alto da serra da Mantiqueira, onde está a cidade, a oxigenação diferenciada resulta em um ar mais puro e livre de poluição. Graças a fatores como este e a natureza em abundância, Campos do Jordão garantiu no Congresso Internacional de Climatologia realizado em Paris, em 1957, o título de melhor clima do mundo.

Onde se hospedar: A 24 minutos de carro do Krishna Shakti Ashram está o Bendito Cacao Resort & Spa. Essa acomodação, situada em meio às montanhas, tem tudo o que um hóspede precisa para relaxar: natureza, ar puro, atividades de SPA, quartos aconchegantes e boa gastronomia.

> Porto de galinhas: conheça o destino preferido das famílias nas férias

Vista do Templo Zu Lai em Cotia, São Paulo
Templo Zu Lai em Cotia
(Foto: )

5. China em Cotia (São Paulo)

Fica em Cotia, um município a 32 km da capital São Paulo, o maior templo budista da América Latina. Inaugurado em outubro de 2003 e ocupando uma área construída de 10.000 metros quadrados, o Templo Zu Lai mantém a tradição das práticas e cerimônias das escolas de pensamento budista em um espaço que remonta o estilo arquitetônico oriental dos palácios. O local busca desenvolver talentos, trazer benefícios à sociedade e purificar corações e mentes por meio da atuação cultural e educacional, das ações sociais e das práticas religiosas.

Onde se hospedar: Embora muitas pessoas que visitam o Templo escolham ficar em São Paulo, uma opção para quem deseja visitar Cotia é se hospedar em Embu das Artes. A cidade é famosa pela feirinha de artesanato e pelas lojas e ateliês, mas também conta com atrações culturais, arquitetônicas, gastronômicas e até naturais. Uma opção de hospedagem no local é o Villa Serena Bed & Breakfast, localizado em uma área de preservação ambiental e que oferece tranquilidade e encontro com a natureza em um espaço com muito conforto e ambiente familiar.

6. Portugal em Olinda (Pernambuco)

Há quem diga que a cidade de Olinda leva este nome pois o português Duarte Coelho, fundador do local, teria exclamado ao avistá-la: “Oh, linda situação para se construir uma vila!”. Situada no estado de Pernambuco, Olinda é uma das mais antigas cidades brasileiras e, entre o século XVI e as primeiras décadas do século XVII, chegou a ser referida como uma “Lisboa pequena”.

A cidade é, até hoje, dona de um dos maiores patrimônios lusitanos do país, embora o tempo e a invasão holandesa de 1630 tenham apagado parte disso. Nos dias atuais, Olinda é também famosa pelo Carnaval e por ser um dos mais importantes centros culturais do Brasil, declarada Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), em 1982.

Onde se hospedar: Não basta apenas observar a história – em Olinda, é possível se hospedar dentro dela. O Convento da Conceição foi construído no século XVI e chegou a ser incendiado durante a invasão dos holandeses, mas foi reconstruído quase 50 anos depois e se tornou uma casa religiosa de recolhimento para mulheres abandonadas. Seguindo com a missão de acolher, começou a funcionar como hospedagem em 2018.

Pesquisa encomendada pela Booking.com e realizada de maneira independente com 48.413 entrevistados em 31 mercados. Para participar dessa pesquisa, as pessoas deveriam ter 18 anos ou mais, terem viajado pelo menos uma vez a trabalho ou lazer nos últimos 12 meses e estarem planejando uma viagem em 2022. Além disso, deveriam ser responsáveis pela decisão ou estarem envolvidas no processo de tomada de decisão da viagem. A pesquisa foi feita on-line e ocorreu em janeiro de 2022.

*Por Bianca Carvalho

Leia também

Dia Mundial dos Oceanos: conheça 7 estadias com vista para o mar

Curaçao: conheça a ilha caribenha de sotaque holandês

Vinho madeira: conheça 4 lugares para degustar a bebida

Colunistas