nsc
santa

Amor no ar

A história por trás do chá de revelação com helicóptero e lancha em Balneário Camboriú

Festa em família ganhou as redes sociais nos último dias

03/08/2022 - 13h42 - Atualizada em: 03/08/2022 - 13h59

Compartilhe

Bianca
Por Bianca Bertoli
Casal fez chá de revelação em uma lancha em Balneário Camboriú
Casal fez chá de revelação em uma lancha em Balneário Camboriú
(Foto: )

O vídeo viralizou na internet. Nele, um helicóptero sobrevoa uma lancha e lança um pó rosa sobre o mar de Balneário Camboriú, no Litoral Norte de SC, na tarde do último domingo (31/7). É um chá de revelação. Por trás da imagem está a história de amor de uma família que em breve vai aumentar. E, diferente do que muitos internautas comentaram, o evento “de milhões” não custou tanto assim para o casal.

> Receba notícias do Vale do Itajaí por WhatsApp

Cristiano Pacheco, 29, e Mauriline Schmitz, 33, quiseram inovar na terceira gestação da mulher. Renderam-se à moda do chá de revelação e decidiram fazer uma confraternização com a família e amigos próximos para descobrirem juntos o sexo do bebê. Grávida há pouco mais de três meses, Mauriline tem uma empresa de turismo com o esposo e, por isso, quase toda a organização foi feita através de parcerias.

Primeiro, o casal entregou o exame para um amigo na terça-feira (26/7), que foi o único a saber do resultado. A ideia era passar a tarde em uma lancha, brindando a vinda da caçula. Cristiano fez alguns contatos para reservar a lancha e o voo. O amigo ficou responsável pela decoração e por informar à Voe BC da cor do produto que deveria ser lançado do helicóptero.

Para o comandante José Viana, foi mais um dia de trabalho. A prática, revela ele, é comum na região. Um voo como esse tem um custo mínimo de R$ 1 mil, conforme a tabela de preços, que varia de acordo com a distância e duração do passeio. Não, há, porém, dinheiro que pague ver a felicidade de quem contrata o serviço, divide o piloto de 35 anos de carreira:

— Todos são emocionantes, você está criando uma situação especial para a pessoa — comenta.

Sobre o material utilizado, Viana garante que não há prejuízo ao meio ambiente.

Uma história de amor

A revelação foi na lancha porque o casal ama estar na praia. Se casaram de pés na areia e aproveitam o tempo livre em atividades que envolvem o oceano. Foi, inclusive, na volta de um passeio de moto aquática que Cristiano conheceu a amada em 2019, no Rio Grande do Sul, onde moravam antes da mudança para Balneário Camboriú.

Foi amor à primeira vista. A certeza era tanta que não demoraram a se casar. Hoje com dois filhos — a mais velha de um relacionamento anterior — o casal aguarda a chegada da pequena Antonella. Ambos vibraram com a descoberta naquele domingo ensolarado. Ou melhor, confirmaram o palpite certeiro da primogênita.

— Quando engravidei do meu filho, ela disse que seria um menino e que se chamaria Joaquim. Agora, disse que seria menina e se chamaria Antonella. Decidimos manter os nomes que ela escolheu — conta a mãe.

O casal só não esperava que a revelação fosse virar assunto na internet com a publicação de um vídeo feito por um pescador que flagrou o momento. Alguns comentários incomodaram o casal, principalmente os relacionados ao suposto custo exorbitante da festa, mas eles focam no que importam:

— É uma linda história de amor — resume Cristiano.

Leia também

Caso Luna: laudo cadavérico da menina é "estarrecedor", diz promotor

Briga de casal tem fuga com direito a lancha e buscas de helicóptero em SC

Colunistas