nsc
hora_de_sc

Polícia

Acidente com linha de cerol fere motociclista em Palhoça e gera indignação

Homem, que estava com capacete, ficou com o nariz ferido

26/04/2021 - 07h38

Compartilhe

Catarina
Por Catarina Duarte
O uso de linha chilena é proibida em Santa Catarina desde 2001
O uso de linha chilena é proibida em Santa Catarina desde 2001
(Foto: )

Um motociclista ficou ferido após uma linha chilena enroscar no capacete no domingo (25), em Palhoça, na Grande Florianópolis. Um vídeo registrou o homem após o acidente com ferimento no nariz. O caso aconteceu no bairro Nova Palhoça e o vídeo repercutiu nas redes sociais. 

> Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

O uso de linha chilena ou qualquer substância cortante em pipas e similares é proibido por lei em Santa Catarina desde 2001. Em caso de descumprimento, está prevista aplicação de multa de R$ 200. Na reincidência, o valor é dobrado.

Nas imagens compartilhadas pela página de humor Palhoça Mil Grau, a pessoa que está junto ao motociclista afirma que ele foi salvo porque estava de capacete. O vídeo mostra sangue espalhado no asfalto, na moto e na própria roupa do motociclista. Ele chega a usar um casaco para tentar estancar o ferimento. Nos comentários, muitas pessoas relataram indignação com a situação.

"Cerol já é proibido, quem usa essa linha sabe o risco que coloca as pessoas na volta, tem que responder por tentativa de homicídio, simples", escreveu uma das pessoas na publicação.

Outro comentário pedia mais respeito e educação. "Que absurdo, o ser humano não respeita nada nem ninguém falta amor e educação pra esse povo. Será que vai ter que acontecer mais uma tragédia pra que o culpado veja que está errado o que ele ta fazendo?"

Não há informações sobre o estado de saúde dele. A Polícia MIlitar não atendeu a ocorrência. 

Em Florianópolis, a produção, comercialização e venda de linhas cortantes são proibidas desde 2014. A fiscalização é feita pela Guarda Municipal.

É possível denunciar a venda ilegal desse produto na Capital para a Superintendência de Serviços Públicos, que faz a averiguação in loco. O contato da ouvidoria para denúncias é o site www.pmf.sc.gov.br/ouvidoria ou o e-mail ouvidoria.susp@pmf.sc.gov.br.

A orientação de forças de segurança é que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) ou a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) sejam acionadas caso uma linha seja avistada em regiões de rodovia. Os números são 191 e 198, respectivamente.

Acidente com morte em março

Um jovem de 23 anos morreu após ser atingido no pescoço por uma linha de cerol em Navegantes. O motociclista transitava pela BR-470, quando sentiu o corte. Ele conseguiu parar o veículo e pedir ajuda em um posto de gasolina, mas não resistiu aos ferimentos. O caso aconteceu em março.

A Polícia Militar foi acionada e foi ao local do acidente. O responsável pela pipa não foi localizado no momento da ocorrência.

Leia mais:

Homem de 29 anos é encontrado morto em praia de Florianópolis

Jacarés se "aglomeram" e chamam atenção em Florianópolis; veja vídeo

Elon Musk decidiu em Florianópolis que iria investir foguetes e revolucionar a corrida espacial

Colunistas