nsc
santa

Trânsito

Aluno de bicicleta é atingido por ônibus escolar e vai para UTI em Itajaí

Menino de 11 anos passou por cirurgia, segundo o Hospital Pequeno Anjo

31/03/2022 - 10h37

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Acidente ocorreu na região da Murta, no bairro Cordeiros
Acidente ocorreu na região da Murta, no bairro Cordeiros
(Foto: )

Um menino de 11 anos foi para a UTI após sofrer um acidente de trânsito em Itajaí na manhã desta quarta-feira (30). Ele estava a caminho do colégio de bicicleta quando acabou atingido por um ônibus escolar. O veículo passou sobre as pernas do estudante, que precisou de cirurgia, segundo o Hospital Pequeno Anjo.

> Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

De acordo com o departamento de trânsito, o ônibus e o garoto de bicicleta se envolveram no acidente quando entravam na Rua José Luiz Marcelino, na localidade da Murta, no bairro Cordeiros. Os bombeiros estiveram no local, por volta das 7h15min, e encontraram o aluno debaixo do veículo com fratura nas pernas e hemorragia.

O menino foi estabilizado com a ajuda da equipe do Samu e levado ao hospital infantil de Itajaí, onde permanece internado com quadro de saúde considerado estável. Nenhuma criança que estava dentro do micro-ônibus se feriu, de acordo com os bombeiros militares. 

No ano passado, pais de alunos da Escola Básica Professora Maria José Hulse Peixoto já reivindicaram mais segurança na rua onde aconteceu o acidente. Entre os pedidos estava o reforço da sinalização e a instalação de uma travessia elevada — o que não foi atendido, conforme os relatos dos moradores locais.

As famílias voltaram a se mobilizar após o episódio desta semana e pedem o retorno dos ônibus escolares para os alunos da região. As famílias contam que antes da pandemia as crianças contavam com esse serviço, que foi suspenso com a pausa nas aulas presenciais e não retornou.

Uma nova manifestação está marcada para as 17h desta quinta.

Contraponto

Sobre melhorias na sinalização, a prefeitura de Itajaí não retornou os questionamentos da reportagem até a publicação desse texto. 

Quanto ao transporte escolar, a Secretaria de Educação informou que o serviço deixou de atender apenas as crianças da comunidade Dona Ninca, por ficar a cerca de um quilômetro da escola e a lei determinar que o serviço é para alunos que residem a três quilômetros ou mais do colégio. 

Leia também

> Acidente mata caminhoneiro na BR-470, interdita rodovia e causa filas quilométricas

> Acusado de matar esposa em SC contrata o advogado que atuou no caso Eliza Samúdio

> Onda derruba pai e filha de 6 anos ao quebrar em barreira de pedra no litoral de Itajaí; vídeo

Colunistas