Uma denúncia de maus-tratos em Apiúna terminou com 29 animais resgatados nesta segunda-feira (22). No total, 19 cachorros e 10 coelhos foram encontrados em situação insalubre depois que a Polícia Civil chegou ao local, no bairro São Pedro. Eles seriam usados por caçadores, já que armadilhas e armas de pressão também foram identificadas na propriedade.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp

Na residência, os cães ficavam presos em coleiras curtas, com fezes pelo espaço, água podre e sem comida. Os animais ainda apresentavam machucados pelo corpo, além de estarem magros e assustados.

O morador responsável pela casa não estava no local no momento do resgate. A esposa dele, no entanto, foi encaminhada para a delegacia para prestar depoimento. A situação ainda será investigada pela Polícia Civil.

Todos os animais foram levados para o Sítio Dona Lucia, em Blumenau, que também ajudou no resgate. O abrigo pede apoio da comunidade para custear as despesas necessárias, já que os coelhos, por exemplo, serão castrados. As doações podem ser feitas pelo PIX (47) 99105-4470.

Continua depois da publicidade

Maus-tratos a animais é crime

O crime de maus-tratos contra animais consta no artigo 32 da lei nº 9.605, com alteração da lei nº 14.064/2020, que prevê pena de reclusão de 2 a 5 anos, multa e proibição da guarda. Caso o ato ainda resulte na morte do animal, a pena pode ser aumentada em até um terço.

Veja fotos do resgate

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

*Estagiária sob supervisão de Augusto Ittner

Leia também:

Ex-marido inconformado com divórcio ataca mulher com revólver e machadinha em Blumenau

Juiz é preso em investigação do Gaeco em Santa Catarina

Destaques do NSC Total