nsc
an

Opinião

Artigo: "Afastemos de vez o mito de que as mulheres são concorrentes"

Maria de Lourdes Bello Zimath, presidente da OAB Joinville, fala sobre a Conferência Estadual da Mulher Advogada

22/07/2021 - 10h47

Compartilhe

Redação
Por Redação AN
A advogada Maria de Lourdes é a primeira mulher a presidir a OAB Joinville
A advogada Maria de Lourdes é a primeira mulher a presidir a OAB Joinville
(Foto: )

*Artigo por Maria de Lourdes Bello Zimath, presidente da OAB Joinville.

Sororidade é o que nos une

Na VII Conferência Estadual da Mulher Advogada da OAB/SC, vislumbro um movimento cívico. Para nós mulheres, esta primorosa oportunidade, além de servir para a ampliação de conhecimentos no tema paridade, revela fascinantes trajetórias femininas.

É bom que lembremos: todas estamos fazendo uma caminhada única e efêmera! E estamos fazendo não apenas nossa história pessoal, pois somos integrantes de uma história coletiva. A visibilidade que ganhamos durante a nossa trajetória já não é nossa. É uma história pública que ao público pertence!

Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Pela condição que temos, devemos nos unir cada vez mais – dando suporte a outras mulheres. Afastemos de vez o mito de que as mulheres são concorrentes, oponentes. São falácias que devem ser banidas – sob pena de dificultar movimentos pela igualdade.

Instantes como este nos servem para reafirmar o quanto somos capazes – basta que abracemos uma missão e veremos o quanto podemos. Para isto, a autoestima é fundamental, ela é o nosso maior adereço.

As ações afirmativas de igualação fazem parte de um processo “sem volta”. Se olharmos pelo espelho retrovisor será apenas para não cometermos os mesmos erros. Só erros originais são concebíveis. Olhar para trás deve ser para comemorar avanços – e neles buscar a fonte para a sua ampliação.

Que nos engajemos aos movimentos de Paridade para conscientizar mulheres que qualificar-se é uma palavra de ordem, seja para ocupar espaços com poder decisório, seja para ganhar respeitabilidade exercendo a advocacia ou qualquer outro ofício. Nós podemos muito! E, quando a gente se reúne, este poder se multiplica. Por isto se diz que “mulheres são como água, crescem quando se juntam.”

Que a VII Conferência da Mulher Advogada da OAB/SC seja um gatilho para nos engajarmos na construção de redes de apoio capazes de promover uma aceleração na igualdade entre homens e mulheres.

Leia também

Florada dos Girassóis em Joinville já recebeu mais de 6 mil visitantes; cuidados sanitários serão reforçados

Custo e impacto no “subsídio” afetam volta de todos os horários de ônibus em Joinville

Colunistas