Blumenau amanheceu nesta sexta-feira (4) com aproximadamente 90% dos postos de combustíveis abastecidos, segundo o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo (Sinpeb), Júlio César Zimmermann. Ele acredita que ao longo do dia a situação seja completamente normalizada. 

Continua depois da publicidade

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp

O município tem 72 postos de combustíveis, dos quais ele estima que cerca de 10 ainda não tinha gasolina para vender na noite de quinta-feira (3), aponta o líder da entidade. Para levar combustível ao maior número de estabelecimentos possível, a alternativa encontrada foi fornecer uma quantidade do produto para cada um dos postos. 

Mesmo assim, não chegou para todos. 

Zimmermann explica que com o desbloqueio de todas as rodovias interditadas por manifestantes pró-bolsonaro em Santa Catarina, a questão agora é apenas de logística.

Continua depois da publicidade

— Um caminhão consegue fazer de uma a duas viagens entre carregar na refinaria e levar para o posto — diz. 

O motorista também pode perceber ao longo do dia que a gasolina está acabando rápido nos postos. A situação é, mais uma vez, reflexo da alta procura. O funcionário de um posto na Rua São Paulo contou à reportagem do Santa que recebeu o combustível na manhã de quinta (3), mas quando o relógio marcou 13h, o produto já tinha acabado. 

Mercadoria de novo agora só ao longo dessa manhã, quando os caminhões saem da refinaria em Itajaí.

Leia também 

Concursos públicos em SC: veja vagas abertas em novembro, salários e como se inscrever

Duas apostas de SC acertam na quina da Mega-Sena e faturam R$ 65 mil

Destaques do NSC Total