nsc
    dc

    Ensino superior

    Bolsonaro sanciona projeto que suspende pagamento do Fies durante pandemia

    Medida, que começa a valer nesta sexta, prevê a suspensão da cobrança do financiamento pelo tempo que durar o estado de calamidade pública por conta do coronavírus

    10/07/2020 - 10h00

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação DC
    Estudantes em SC
    O benefício é concedido a estudantes que estão em dia com as prestações do financiamento
    (Foto: )

    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou nesta quinta-feira (9) a lei 14.024/20, que suspende temporariamente os pagamentos dos estudantes beneficiários do Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) durante a pandemia.

    > Consulta de vagas do ProUni é liberada; inscrições começam dia 14

    A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta (10), mesmo dia em que entra em vigor.

    O texto prevê a suspensão da cobrança do financiamento pelo tempo que durar o estado de calamidade pública decorrente da pandemia de coronavírus, decretado até 31 de dezembro.

    O Fies é um programa de financiamento para estudantes cursarem o ensino superior em universidades privadas.

    O benefício é concedido a estudantes que estão em dia com as prestações do financiamento e aqueles com parcelas atrasadas por, no máximo, 180 dias.

    > UFSC vai emprestar computadores e oferecer internet a estudantes para ensino remoto

    De acordo com o projeto, ficam suspensas a obrigação de pagamento das parcelas regulares do saldo devedor, a obrigação de pagamento dos juros incidentes sobre o financiamento, e o pagamento de parcelas de renegociação de contratos.

    Ainda de acordo com a lei, o estudante que tenha débitos vencidos e não pagos terá opções para quitar os pagamentos, de uma vez ou parcelado, por meio do Programa Especial de Regularização do Fies.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Educação

    Colunistas