Na manhã deste domingo (12), 32 brasileiros e familiares conseguiram deixar a Faixa de Gaza e chegaram ao Egito, informou o Itamaraty. O voo para o Brasil deve acontecer na manhã de segunda-feira (13), segundo informações do g1.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

— O grupo de 32 brasileiros e familiares já se encontra em território egípcio, onde foi recebido por equipe da embaixada do Brasil no Cairo, responsável pela etapa final da operação de repatriação —, afirmou o órgão. O retorno deve ser a bordo da aeronave presidencial VC-2 (Embraer 190).

O grupo que deve sair do Egito na segunda inclui 22 brasileiros, sete palestinos com Registro Nacional Migratório (RNM, documento para residência temporária ou permanente de estrangeiros no Brasil) e três palestinos familiares próximos. Ao todo, são nove mulheres, seis homens e 17 crianças.

EUA vetam proposta brasileira na ONU sobre guerra entre Hamas e Israel

Continua depois da publicidade

Segundo o Itamaraty, o grupo embarca em veículos fretados pela Embaixada Brasileira no Egito, com destino à capital Cairo, um trajeto que leva seis horas. Eles devem chegar lá por volta das 20h, no horário local (15h em Brasília). Na manhã de segunda, eles embarcam de volta ao Brasil.

Contando com este grupo, o total de repatriados soma 1.477 pessoas, além de 53 animais domésticos.

Duas pessoas decidem ficar em Gaza

A lista original tinha 34 nomes, mas duas pessoas desistiram da repatriação. As desistências foram de uma mulher de 50 anos e sua filha, de 12, por “motivos pessoais”, de acordo com Alessandro Candeas, embaixador brasileiro na Palestina.

O Itamaraty prepara um segundo resgate de Gaza com mais de 50 brasileiros e familiares, mas não há um prazo para que isso aconteça.

Próximos passos

Segundo o embaixador do Brasil no Egito, Paulino Carvalho Neto, a parada no território egípcio, neste domingo, será para o grupo descansar e se alimentar. O voo de retorno ao Brasil terá uma médica oficial da Aeronáutica para acompanhar as famílias. O trajeto entre o Cairo e Brasília deve durar de 12 e 14 horas.

Continua depois da publicidade

Leia também

Após um mês de espera, brasileiros são autorizados a deixar Gaza

Brasileiros ficam fora da nova lista de autorizados a deixar Faixa de Gaza

Destaques do NSC Total