nsc
dc

Economia

BRF lança linha mais barata feita com sobras de Sadia e Perdigão

Kidelli começa a ser comercializada em fevereiro com uma linha de 14 produtos

11/01/2018 - 05h44

Compartilhe

Por Redação NSC
Frigorífico no Oeste do Estado: nova marca terá boa parte da produção concentrada em Videira.
Frigorífico no Oeste do Estado: nova marca terá boa parte da produção concentrada em Videira.
(Foto: )

A gigante de alimentos BRF lançou ontem uma nova marca, a Kidelli, que começa a ser comercializada em fevereiro. Voltada para o público de baixa renda, a linha será feita a partir de "matéria-prima excedente" de partes nobres de produtos da Sadia e da Perdigão - que pertencem à BRF -, segundo a companhia

A terceira marca de consumo da empresa vai atuar em um segmento responsável por mais de 30% das vendas de alimentos processados no país. Inicialmente, contará com 14 produtos, entre eles presuntos, empanados, mortadelas e hambúrgueres.

- A segmentação garante que não haverá concorrência da Kidelli com as demais marcas da companhia - diz o vice-presidente de Operações do Brasil da BRF, Alexandre Almeida.

Nos últimos três anos, a BRF investiu R$ 560 milhões em inovação e parte desse montante foi direcionado para o desenvolvimento da nova marca. A distribuição ao mercado contará com força de vendas exclusiva e focada em distribuidores independentes e redes atacadistas.

Inicialmente, os itens serão produzidos em cinco unidades fabris, mas a maior parte do volume virá das plantas de Videira, no Oeste do Estado, e Uberlândia (MG).

Colunistas