Um cachorro ficou trancado por pelo menos duas horas em um carro no estacionamento de um supermercado em Blumenau na noite desta terça-feira (2). Os donos deixaram o veículo no local e foram ao shopping. A Polícia Militar precisou ser chamada e o animal foi resgatado por uma protetora. Quando o dono chegou de volta ao automóvel, ele foi levado à delegacia pelo crime de maus-tratos.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região por WhatsApp

Imagens mostram o cachorro da raça poodle no banco de trás de um Renault Clio com placas de Blumenau. Com o passar do tempo, a cena começou a chamar a atenção de clientes do estabelecimento localizado às margens da BR-470 e a PM foi chamada. O supermercado chegou a anunciar algumas vezes no microfone para que o proprietário do veículo se apresentasse, o que não ocorreu.

A polícia começou, então, a ligar para o número de telefone cadastrado no registro do automóvel, também sem sucesso. Cerca de 50 minutos após os PMs enviarem mensagem para o homem de 42 anos é que ele compareceu ao estacionamento. Ele teria dito que costuma deixar o cachorro sozinho e que não sabia ser crime a prática. A polícia o levou à delegacia.

O animal ficou aos cuidados da protetora, segundo a PM.  É considerado maus-tratos uma ação que coloque em risco a integridade física ou emocional do animal. A pena para esse crime, quando praticado contra cães e gatos, é de dois a cinco anos de prisão, além de multa de até R$ 20 mil.

Continua depois da publicidade

Leia mais

Vídeo revela vazamento que pode ter provocado morte de jovens em Balneário Camboriú

Blumenau espera arrecadar R$ 126 milhões com IPTU; veja cronograma de entrega dos carnês

Destaques do NSC Total