nsc
dc

Incêndio

Cães de SC ajudam nas buscas por bombeiros desaparecidos após prédio desabar em Porto Alegre

A estrutura da SSP/RS caiu no dia 14 de julho após um incêndio no local; duas pessoas estão desaparecidas desde então

21/07/2021 - 15h54

Compartilhe

Diane
Por Diane Bikel
As buscas acontecem há sete dias
As buscas no prédio em Porto Alegre acontecem há sete dias
(Foto: )

Após o incêndio e o colapso do prédio em que estava instalada a Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul (SSP/RS), em Porto Alegre, um quarteto de Santa Catarina - formado por dois bombeiros e dois cães de busca - foi designado a ajudar na procura pelos bombeiros militares desaparecidos no local do acidente. A ocorrência aconteceu há cerca de uma semana e as buscas pela dupla desaparecida continuam.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Os dois bombeiros catarinenses que já estão no RS têm experiência em operação de campo. O cabo Ronaldo Fumagalli é natural de Curitibanos e o soldado Luciano Rangel faz parte da equipe de bombeiros de Lages. Os cães, que acompanham os dois militares, também possuem experiências em buscas e estiveram no apoio à tragédia de Brumadinho, em Minas Gerais, que aconteceu em 2019. 

Parte do prédio desabou no dia 14 de julho
Parte do prédio desabou no dia 14 de julho
(Foto: )

A procura pelos dois bombeiros desaparecidos em Porto Alegre acontece desde o último dia 14, quando parte do prédio da SSP/RS desabou. Nesta segunda-feira (19), o corpo de bombeiros do Rio Grande do Sul pediu auxílio a Santa Catarina, que determinou o deslocamento urgente das duplas.

> ​Sete túmulos de crianças são violados em cemitério de Lauro Müller

A equipe de bombeiros do Rio Grande do Sul afirmou que a ajuda vai agilizar os processos de busca e rastreamento da área. Os dois desaparecidos já foram identificados, são Deroci de Almeida da Costa e Lúcio Ubirajara de Freitas Munhós.

As buscas seguem no local.

*Sob supervisão de Vinícius Dias.

Leia também

Seis vacas são esfaqueadas em Siderópolis, no Sul de SC

Homem morre ao cair de 15 metros de altura na Serra do Rio do Rastro durante obra

Cunhado é preso suspeito de envolvimento no assassinato de Vanisse Venturi no Alto Vale

Colunistas