nsc
    santa

    Acidente

    Caminhoneiro que atropelou casal em motocicleta na BR-101 é indiciado por tentativa de homicídio

    No caminhão foi encontrada cocaína. Segundo o delegado, homem tentou morder os policiais ao ser preso

    07/03/2021 - 14h15 - Atualizada em: 07/03/2021 - 14h24

    Compartilhe

    Catarina
    Por Catarina Duarte
    Anderson deve receber alta ainda neste domingo (7) e Sandra (dir.) segue hospitalizada
    Anderson deve receber alta ainda neste domingo (7) e Sandra (dir.) segue hospitalizada
    (Foto: )

    O motorista de caminhão que atropelou um casal em uma motocicleta no sábado (6) na BR-101, no litoral catarinense, foi indiciado por tentativa de homicídio qualificado. Segundo a Polícia Civil, ele estava sob efeito de drogas e dentro do caminhão foi encontrado uma porção de cocaína. Uma das vítimas, uma mulher de 47 anos, segue internada em estado grave no Hospital Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí.

    Sandra Aparecida Pereira, que está hospitalizada, e Anderson Antônio Pereira, 49 anos, voltavam de um passeio de moto por Campo Alegre quando foram atingidos pelo caminhão. Segundo Márcio Pereira, primo de Anderson, os dois estavam “curtindo um sonho” com a motocicleta adquirida há quase dois meses.

    > Receba todas as notícias do Vale do Itajaí no seu WhatsApp

    De acordo com a Polícia Militar (PM) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do caminhão seguiu sem prestar socorro após a colisão com a traseira da motocicleta. Anderson ficou pendurado na cabine do caminhão por 32 quilômetros após o acidente. A esposa dele, que estava na traseira da moto, ficou caída na pista.

    O caminhão só parou próximo ao Morro do Boi, em Balneário Camboriú, no quilômetro 125 da rodovia. A moto ficou engatada no para-choque do caminhão. De acordo com o delegado Uiliam Soares da Silva, o homem apresentava sinais de uso de drogas. Um teste de bafômetro deu negativo para o consumo de álcool.

    Veja vídeo do acidente:

    — O estado em que ele se encontrava era de uma pessoa drogada. Quando ele chegou na DP [delegacia de polícia] ele estava tentando morder as pessoas. Ele estava extremamente agressivo — contou Uiliam.

    Segundo o delegado, ele teria admitido o uso de drogas e negado que as imagens que circularam nas redes sociais mostrando o que seria ele drogado sejam de momentos antes do acidente. Segundo o delegado, o motorista teria dito que o vídeo foi feito na madrugada de sexta-feira (5).

    > Morre primeiro paciente de SC com Covid-19 transferido ao Espírito Santo

    O motorista foi autuado na Central de Plantão Policial (CPP), em Balneário Camboriú, por tentativa de homicídio qualificado pela utilização de recurso que impossibilitou a defesa da vítima; por conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência; fuga de local de acidente de trânsito e posse de drogas para consumo próprio.

    Segundo a família, Anderson deve ter alta ainda neste domingo (7) do Hospital Ruth Cardoso. Eles ainda aguardam por um boletim com informações sobre Sandra, que deve ser divulgado nesta tarde.

    Leia mais:

    Piloto desaparecido há mais de um mês é encontrado com vida em região de mata do Pará

    Indígena relata dificuldade para registrar nome da filha em Blumenau; caso vai parar no MPF

    Sem máscara, Eduardo Bolsonaro participa de evento em Balneário Camboriú

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas