Após uma semana de campanha, o Rotary Club de Joinville, em parceria com os Bombeiros Voluntários e a Prefeitura Municipal, encerrou nesta sexta-feira (10) a coleta de doações para os atingidos pelas chuvas no Rio Grande do Sul. No início da tarde, a última carreta deixou Joinville com destino às cidades de Estrela, Lageado e Cruzeiro do Sul, na região do Vale do Taquari. Ao todo, foram mais de 600 toneladas de mantimentos enviados ao povo gaúcho através de 30 caminhões, segundo dados divulgados pela prefeitura.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Joinville e região no WhatsApp

Os principais itens levados ao estado vizinho foram cestas básicas, alimentos não perecíveis, água mineral e produtos de higiene e limpeza. O fluxo de veículos na Rua Jaguaruna e vias próximas ao Corpo de Bombeiros foi intenso nos últimos dias, causando congestionamento na região central. A força-tarefa contou com centenas de voluntários que se revezaram durante a semana para ajudar a receber os donativos, separar, organizar e carregar os caminhões.

Em entrevista à CBN Joinville, o prefeito Adriano Silva enalteceu o espírito solidário dos moradores da cidade.

— O joinvilense sempre foi assim, desde 2008 na primeira central solidária com mais de 5 mil pessoas trabalhando como voluntárias, e isso nos deixa emocionados. Tenho uma honra muito grande de ser prefeito de uma cidade tão solidária, de pessoas que se dedicam tanto pelo próximo — disse.

Continua depois da publicidade

Doações seguem em igreja

Até este sábado (11), às 18h, a Igreja Onda Dura, que fica na rua Aubé, 895, no Boa Vista, vai receber donativos que serão enviados para as famílias gaúchas. Serão aceitas doações de água, alimentos não perecíveis, itens de higiene pessoal, artigos de limpeza, ração para animais e fraldas. Peças de roupa não serão aceitas, pois a quantidade arrecadada já é suficiente. No Rio Grande do Sul, os voluntários do Rotary recebem, separam e direcionam os donativos para as famílias atingidas.

Leia também

Cateteres são retirados de unidades de saúde de Joinville após denúncia de irregularidade

Professores grevistas voltam às salas de aula em Joinville

Campanha sobre uso de celular no trânsito é lançada em Joinville

Destaques do NSC Total