A cantora catarinense Karine Delavechia Rodrigues, 32 anos, morreu em um acidente de trânsito no Rio Grande do Sul. Ela morreu no sábado (22). Conforme o Comando da Brigada Militar do RS, o carro onde ela estava foi atingido por um caminhão. A colisão envolveu outros dois veículos.

Continua depois da publicidade

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

O acidente ocorreu na sexta-feira (21) por volta 16h, no Km 10, na rodovia ERS-407, no município de Xangri-lá. Ainda segundo a Brigada Militar, o motorista do caminhão não conseguiu frear no acesso à Estrada do Mar e acabou colidindo com o veículo onde Karine estava.

O carro em que ela estava, um Palio Weekend, bateu em outro veículo, que por sua vez invadiu a pista contrária e colidiu com um terceiro automóvel.

Karine e o condutor do caminhão ficaram presos às ferragens sendo encaminhados ao hospital. Outras duas pessoas tiveram ferimentos leves.

Continua depois da publicidade

A cantora não resistiu aos ferimentos e morreu no sábado (22). Ela era natural de Sombrio, no Sul catarinense. O sepultamento de Karine acontece neste domingo (23) no município de Ermo, também no Sul.

Dupla musical com o namorado

Karine era cantora e junto ao namorado formava a dupla “Lado B”. Em 2019, o duo lançou um disco com cinco músicas e o single “Nada a Perder”.

A morte causou comoção nas redes sociais. Familiares e amigos lamentaram a partida de Karine.

“Estudamos juntas.Sempre dedicada, estudiosa e a pedidos, cantava pra nós”, escreveu Laís Selau.

“Amiga, sei que Deus já guardou um lugar para você porque você era boa de coração e amava todas as pessoas. Estou bem triste”, disse Giane Pereira em uma publicação.

Leia também 

Senegalês preso pela Guarda Municipal de Florianópolis deve ser indenizado, decide Justiça

Continua depois da publicidade

Uma tonelada de maconha é encontrada dentro de caminhonete em Governador Celso Ramos

Mulher morta em Laguna era taxista; carro foi encontrado incendiado horas após o crime

Destaques do NSC Total