nsc
    hora_de_sc

    Futebol

    Chapecoense elimina o Avaí na Ressacada e se classifica para a semifinal do Catarinense

    Empate por 1 a 1 foi melhor para a Chape, que tinha vencido a primeira partida na Arena Condá

    30/07/2020 - 21h00 - Atualizada em: 30/07/2020 - 21h12

    Compartilhe

    Lucas
    Por Lucas Paraizo
    Avaí e Chapecoense
    O Avaí pressionou a partida inteira, mas não conseguiu a vitória
    (Foto: )

    A Chapecoense eliminou o Avaí e garantiu vaga nas semifinais do Campeonato Catarinense 2020. O empate por 1 a 1 nesta quinta-feira (30) à noite na Ressacada foi melhor para o Verdão do Oeste, que tinha vencido a primeira partida em Chapecó por 2 a 0, antes da última suspensão do campeonato por causa da pandemia do coronavírus.

    O Avaí começou o jogo pressionando a Chape para tentar reverter a derrota da primeira partida, na Arena Condá. Diminuindo os espaços e ameaçando o Verdão, o Leão da Ilha criou boas chances e conseguiu abrir o placar aos 21 minutos. Wesley recebeu a bola no meio e deu um belo passe alto para Daniel Amorim, que bateu forte de perna esquerda para o gol.

    Quem precisava de mais um gol era o Avaí, mas a Chapecoense conseguiu responder logo na sequência. Aos 28 minutos Ezequiel arrancou pela direita e cruzou, a bola passou pela defesa do Avaí e sobrou para Aylon dominar e bater para o gol.

    Com a missão de fazer mais dois gols para levar o jogo aos pênaltis, o Avaí voltou para o segundo tempo pressionando novamente. Wesley teve uma boa oportunidade logo nos primeiros minutos mas chutou mal. Capa e Valdívia eram os que mais tentavam produzir, mas o Avaí esbarrava em pouca criatividade e jogadas lentas no experiente meio de campo formado por Ralf, Wesley e Bruno Silva.

    Com a vantagem, a Chapecoense se fechou e manteve o foco nos contra-ataques em velocidade com Aylon e Paulinho Moccelin, mas sem conseguir dar grandes sustos ao goleiro Lucas Frigeri.

    No fim, a falta de ritmo pesou e o jogo esfriou. O treinador Rodrigo Santana ainda tentou lançar o Avaí para o ataque colocando Lourenço e Gastón Rodriguez em campo, mas mesmo assim o Leão não conseguiu ameaçar e correr atrás do resultado.

    Com a classificação, a Chapecoense encara na semifinal o Criciúma, que eliminou o Marcílio Dias.

    Ficha técnica

    AVAÍ - 1

    Lucas Frigeri; Arnaldo (Gastón Rodriguez), Rafael Pereira, Airton, Capa; Ralf, Bruno Silva (Lourenço), Wesley (Pedro Castro), Valdívia (Jonathan); Rildo (Vinícius Jaú) e Daniel Amorim. Técnico: Rodrigo Santana

    CHAPECOENSE - 1

    João Ricardo; Ezequiel, Joilson, Luiz Otávio, Alan Ruschel; Anderson Leite, Guedes (Ronei), Denner (Lima); Matheus Ribeiro, Paulinho Moccelin (Rone) e Aylon (Alan Grafite). Técnico: Umberto Louzer.

    Gols: Daniel Amorim (A), aos 21 minutos do primeiro tempo, e Aylon (C), aos 28 do primeiro tempo.

    Arbitragem: Rafel Traci, auxiliado por Helton Nunes, Thiaggo Labes e Gustavo Baggio Ratti.

    Estádio da Ressacada, Florianópolis.

    Escute os gols da partida

    Daniel Amorim, do Avaí (1 a 0)

    Aylon, da Chapecoense (1 a 1)

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas