nsc
dc

Amrec

Cidades do Sul de SC anunciam novas medidas no combate ao coronavírus

Criciúma, Nova Veneza e Urussanga vão manter decreto municipal e não seguirão determinações regionais

31/07/2020 - 10h31 - Atualizada em: 31/07/2020 - 10h35

Compartilhe

Lariane
Por Lariane Cagnini
amrec
Prefeitos da Amrec e representantes dos municípios definiram novos horários em reunião virtual
(Foto: )

Cidades da região carbonífera, no Sul de Santa Catarina, vão alterar o horário de funcionamento de alguns locais como medida preventiva ao avanço do coronavírus. Supermercados, restaurante e bares terão que aderir à mudança pelos próximos 14 dias. 

Atenção: é falso que hospitais recebem R$ 18 mil por cada morte registrada como Covid-19

Enquanto isso, Criciúma, Urussanga e Nova Veneza definiram que irão seguir seus decretos municipais, e que não vão aderir às determinações regionais. 

Após um pedido da Associação Catarinense de Supermercados (Acats) na Justiça, Orleans fará mudança no decreto. Com isso, a restrição de funcionamento dos mercados aos fins de semana pode ser alterada mais uma vez, e se extender aos demais municípios.

A mudança nos horários de funcionamento foi definida por vídeoconferência comandada pela Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) nesta quinta-feira (30).

SC tem o mais alto índice de ocupação de UTIs da pandemia; taxa chega a 82,9%

Na próxima quinta-feira, 6 de agosto, os prefeitos voltam a se reunir para reavaliar as medidas tomadas. Cocal do Sul, Içara, Lauro Müller e Treviso ainda irão definir se alteram os decretos. Forquilhinha, Morro da Fumaça, Balneário Rincão e Siderópolis passam a seguir os seguintes horários a partir desta sexta (31):

Supermercados 

Segunda-feira: das 12h às 21h

Terça-feira a sábado: das 6h às 21h

Domingo: fechado

A ida aos supermercados será restrita a apenas um membro da família.

Projeto da UFSC busca criar medicamento contra coronavírus a partir de plantas comestíveis

Demais serviços de alimentação essenciais 

(Padarias, açougues, fruteiras, feiras livres, peixarias, lojas de produtos alimentícios, lojas de venda de salgados, doces, bolos e tortas)

Horários de funcionamento ficará a critério de cada município, porém permanecendo fechado aos domingos.

Serviços de alimentação não essenciais 

(Restaurantes e similares) 

Segunda-feira a sábado: das 6h às 21h

Domingo: fechado.

SC suspende por mais 30 dias cirurgias eletivas que necessitem de anestesia geral

Bares 

Segunda-feira a sexta-feira: das 6h às 21h

Sábados e domingos: fechados. 

Academias 

Segunda-feira a sexta-feira: das 6h às 21h

Sábados e domingos: fechados.

Colunistas