Um homem foi parar na delegacia em Brusque nesta quarta-feira (6) após cometer injúria racial contra o mecânico que consertava o carro dele, de acordo com a Polícia Militar. Segundo o relato da vítima à PM, o cliente teria dito que “esse preto não consegue deixar o serviço certo”.

Continua depois da publicidade

> Acesse para receber as notícias do Santa por WhatsApp

Devido à discussão que terminou em ofensa racial, o mecânico chamou a polícia por volta das 10h30min. Ao chegar no local, a PM constatou que a situação se tratava de injúria racial.

O cliente não negou as ofensas, mas afirmou que é de Portugal e que lá seria normal falar dessa forma. A afirmação não o impediu de ser levado à delegacia.

Foi aberto um inquérito policial para apurar o caso e o cliente foi liberado.

Continua depois da publicidade

O que é injúria racial

A injúria racial acontece quando alguém é ofendido com base em raça, cor, etnia, religião, idade ou deficiência. O Código Penal prevê no artigo 140 o delito de injúria, que consiste na conduta de ofender a dignidade de alguém, com pena de reclusão de um a seis meses ou multa. 

Já o artigo 20 vê como crime o ato de praticar discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, com pena de reclusão de um a três anos e multa.

* Sob supervisão de Talita Catie

Leia também

Vítima de injúria racial, vereador de SC fala sobre trauma e investigação: “Vou até o fim”

Pai desabafa após racismo em Criciúma: “Minha filha não é macaca”

Lei contra radares em Blumenau é derrubada pelo Tribunal de Justiça

Em uma semana, a mesma lotérica de Blumenau fatura dois prêmios milionários

Destaques do NSC Total