publicidade

De volta

Com direito a PM no CFT, Figueirense volta aos treinos após reunião com Honigman

Atletas iniciaram preparação para enfrentar o Londrina na sexta-feira pela 10ª rodada da Série B

17/07/2019 - 17h57 - Atualizada em: 17/07/2019 - 18h09

Compartilhe

Kadu
Por Kadu Reis
Viatura da Polícia Militar acompanhou parte do treinamento
Viatura da Polícia Militar acompanhou parte do treinamento
(Foto: )

Os jogadores do Figueirense voltaram aos treinos nesta quarta-feira (17) após dois dias de protesto por conta dos salários atrasados. Antes da atividade, grupo e a comissão técnica tiveram reunião no refeitório do CFT do Cambirela com Cláudio Honigman, presidente da empresa que comanda o futebol alvinegro. Uma viatura da Polícia Militar acompanhou parte do trabalho de campo, apesar de não ter ocorrido qualquer tipo de protesto de torcedores.

A preparação alvinegra para o jogo contra o Londrina pela 10ª rodada da Série B começou, efetivamente, nesta quarta-feira no CFT do Cambirela. Os atletas retomaram as atividades após o encontro com Cláudio Honigman. O presidente da empresa Elephant não se manifestou publicamente sobre a reunião e prometeu pagamento dos valores em atraso relativos a 2019 até o próximo dia 26.

Em campo, o grupo voltou à rotina de trabalho sob o comando do técnico Hemerson Maria. Os atletas fizeram um treino de passes rápidos até a atividade ser fechada para a imprensa no momento de realização do posicionamento tático para o jogo contra o Londrina. Os laterais Alemão Teixeira e Roberto seguem no trabalho de transição e não devem ficar disponíveis para a partida diante dos paranaenses.

Segurança reforçada

Dois policiais militares acompanharam, em uma viatura, parte do treinamento no CFT do Cambirela. O efetivo foi até o local a pedido do clube. Cerca de dez torcedores passaram pelo centro de treinamento durante a tarde, sem a realização de qualquer tipo de protesto.

Deixe seu comentário:

publicidade