nsc
    nsc

    20 anos

    Com foco nas pessoas, Cidade Criativa Pedra Branca cultiva o sonho de quem busca por qualidade de vida

    De fazenda à ideal urbanístico, empreendimento tem princípios sólidos e conceitos inovadores

    23/10/2020 - 08h51 - Atualizada em: 23/10/2020 - 08h56

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    Criado há 20 anos, bairro traduz o conceito de cidade criativa
    Criado há 20 anos, bairro traduz o conceito de cidade criativa
    (Foto: )

    Em diversas áreas por aí, temos ouvido falar muito de foco nas pessoas. Nunca se falou tanto nisso. Empresas, negócios, marcas. Nós mesmos! Empatia é o conceito da vez, principalmente no momento em que nossas atitudes individuais têm forte impacto, inclusive, na saúde das outras pessoas. Estamos falando da etiqueta de cuidados para controlar o avanço do novo Coronavírus.

    Mas muito antes disso, há 20 anos, um bairro criado do zero e que traduz o conceito de cidade criativa, já tinha nas pessoas o objetivo central do seu surgimento e existência.

    O novo bairro criado a partir de uma fazenda, próximo e com vista para morro Pedra Branca, foi idealizado acompanhando o processo de urbanização da cidade de Palhoça, na Grande Florianópolis. Mas, além de contribuir com o desenvolvimento local, mesmo com algumas incertezas sobre modelo a ser construído ali, estudos, pesquisas e parcerias indicaram o primeiro pilar: o propósito! Com isso, a razão de ser de tudo aquilo que seria feito dali para frente ficou muito claro: construir uma “cidade” para pessoas.

    Bairro foi criado a partir de uma fazenda, próximo e com vista para morro Pedra Branca
    Bairro foi criado a partir de uma fazenda, próximo e com vista para morro Pedra Branca
    (Foto: )

    Marcelo Gomes, presidente da Cidade Pedra Branca, recorda que a partir deste propósito, buscou-se um elemento que fosse fundamental para a compreensão e desenvolvimento de algo que fosse importante para as pessoas. Logo de início, a educação foi definida como essa âncora, marcada pela parceria com a Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) para implantação de um campus no local.

    Focar nas pessoas foi além de oferecer uma estrutura moderna, com empreendimentos de alto padrão, mas permitir que estando ali ou, buscando aquela nova região que se formava, as pessoas teriam acesso à educação, e a Unisul marcou este conceito.

    — Trouxemos eles para o coração da ‘fazenda’ e, assim, nasceu o bairro Cidade Universitária Pedra Branca. Fomos batizados inicialmente assim — conta o empresário.

    Cidade Criativa Pedra Branca, possui uma população de 12 mil moradores, 8 mil trabalhadores e 7 mil estudantes
    Cidade Criativa Pedra Branca, possui uma população de 12 mil moradores, 8 mil trabalhadores e 7 mil estudantes
    (Foto: )

    E falando em pessoas

    Hoje, a Cidade Criativa Pedra Branca possui uma população de 12 mil moradores, 8 mil trabalhadores e 7 mil estudantes. Além disso, muitas pessoas vêm desfrutar dos parques, praças e lagos que o bairro oferece de maneira muito bem planejada.

    Inteligente, criativa, focada na pessoas, fato é que o bairro-cidade chegou em 2020 como uma realidade daquilo que pensou lá na sua origem. É simbólico que este exemplo de inovação e modernidade, tenha nascido de uma propriedade rural. Afinal, da fazenda familiar ao bairro-cidade referência internacional em urbanismo sustentável, aquele espaço nunca deixou de cultivar. Se antes eram produtos agropecuários, hoje são os sonhos de quem busca qualidade de vida.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Especiais Publicitários

    Colunistas