nsc
santa

Primelux

Com liderança feminina, empresa catarinense renova setor industrial e fatura milhões ao ano

Localizada em Blumenau, a Primelux se destaca pela inovação, diversidade e o investimento em uma equipe jovem

30/09/2021 - 10h17

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
primelux
A empresária Glaura Melati ressalta que não é a sua aparência ou gênero que a evidenciam no mercado de trabalho, mas sim, a personalidade e o perfil empreendedor
(Foto: )

A indústria do papel é um importante alicerce para a economia brasileira, com impacto na geração de empregos e arrecadação de tributos. Em 2020, conforme dados divulgados pela Indústria Brasileira de Árvores (Ibá), a produção de celulose registrou alta de 6,4% no país e alcançou o maior volume da história, com 21 milhões de toneladas. É neste contexto que o Grupo Primelux, empresa sediada em Blumenau, Santa Catarina, tem expandido, conquistando o Brasil e o exterior.

Mesmo em meio ao cenário hostil da pandemia causada pelo coronavírus, a Primelux, na contramão de outros negócios, cresceu e agora fatura milhões ao ano. Segundo a empresa, a meta para dezembro deste ano já foi alcançada ainda no mês de agosto. Entretanto, com o desenvolvimento de novos produtos, a expectativa é que este número continue a crescer nos próximos anos.

Além do valor expressivo faturado e em ascensão, que fazem a empresa se destacar no mercado, está também a busca por inovação e a gestão eficiente. A marca é liderada por uma das poucas mulheres na linha de frente de uma indústria de papel, a CEO Glaura Melati. Com uma administração visionária, ela aposta no empoderamento e na juventude para alavancar ainda mais o negócio. A empresária ressalta que não é a sua aparência ou gênero que a evidenciam no mercado de trabalho, mas sim, a personalidade e o perfil empreendedor.

— A maior importância [de estar à frente da Primelux] é mostrar a todos que para ser um líder não precisa ter um gênero específico, e sim muita dedicação. Isso encoraja as mulheres a criarem suas liberdades financeiras e serem donas de seus próprios narizes — afirma Glaura sobre a influência de assumir o principal cargo em uma indústria segmentada na produção de papel, universo estereotipicamente masculino.

Ressignificando o papel da mulher

Sobre a inserção no mercado do papel, ela destaca que foram anos de estudo e aperfeiçoamento até conquistar o conhecimento suficiente para investir no próprio negócio. Tudo isso rompendo barreiras constantes, por estar inserida em um cenário predominantemente dominado por homens.

A Primelux possui cinco anos de história, e neste período, construiu um catálogo com diversos produtos que atendem a necessidade dos mais distintos setores. Toda a produção da Primelux se baseia na sustentabilidade com matéria prima de ponta.

> Blumenau do futuro: confira as expectativas de estudantes da cidade para as próximas décadas

A linha de papéis ainda tem o benefício de ser desenvolvida por especialistas e é testada dermatologicamente. No catálogo, estão ainda alguns produtos essenciais para a prevenção à Covid-19, como máscaras descartáveis, álcool etílico e álcool em gel e vários produtos hospitalares.

Impacto econômico que resulta na contratação de jovens

Além de se posicionar como pioneira nas tendências de mercado, marketing e vendas, a empresa tem se inserido de maneira inovadora no recrutamento de pessoas. De acordo com Glaura, na proposta de buscar o novo em todos os sentidos, a Primelux tem investido em peso na contratação de jovens, que muitas vezes encontram na empresa a primeira oportunidade profissional.

— As empresas acham que colaboradores com experiência constroem uma equipe de grandes líderes. Eu não busco grandes líderes, quero jovens empolgados em construir algo juntos. — complementa a CEO.

A empresária conta que entre os colaboradores mais jovens, está um supervisor operacional de recém 20 anos, que apesar da pouca idade, age com muita responsabilidade no cargo que ocupa. No momento, com esses jovens colaboradores, a Primelux aposta em uma boa gestão de recursos humanos para garantir a excelência e satisfação de cada um deles.

Os próximos passos

Agora, segundo Glaura, o objetivo do grupo é continuar o processo de expansão para contribuir ainda mais com a indústria de papel, através do foco nas necessidades do consumidor e na busca pelo novo. Com o slogan “Se não for pra fazer direito, nem ligamos as máquinas”, a Primelux tem como meta alcançar cada vez mais pessoas, com produtos de qualidade que oferecem oportunidade e solução aos consumidores.

Atualmente, os produtos Primelux podem ser encontrados por todo Brasil e pelo e-commerce da marca. Lembrando que ela já expandiu suas negociações e busca a comercialização dos itens em diversos países da América Latina, como Paraguai, Uruguai, Argentina e Chile.

— Todo o crescimento que planejei acabou acontecendo mais rápido que o previsto. Não consigo acompanhar meu próprio sucesso e diversas pessoas se inspiram no meu trabalho. A ideia de expansão com as franquias é para ajudar o maior número de pessoas a prosperarem e alcançarem a sua independência financeira — finaliza.

Confira o especial Vale de Transformações no NSC Total.

Leia também

Educação é ponto de partida para o desenvolvimento regional

Pioneiro, shopping de Blumenau revoluciona o consumo na região

De pesque-pague familiar a um dos maiores hotéis-fazenda resort do Brasil

Colunistas