nsc
dc

#dica

Como encontrar voos baratos e viajar mais nos feriados de 2020

2020 tem seis feriados prolongados; confira dicas para economizar na compra das passagens aéreas e aproveitar

11/02/2020 - 09h41 - Atualizada em: 11/02/2020 - 14h28

Compartilhe

Marina
Por Marina Martini Lopes
Feriados nacionais são bem vistos por quem trabalha na área de turismo, já que movimentam o mercado interno do setor
Feriados nacionais são bem vistos por quem trabalha na área de turismo, já que movimentam o mercado interno do setor
(Foto: )

O ano de 2020 vai contar com mais dias de descanso do que 2019 - o total de dias úteis será de 251, dois a menos que no ano passado; e o número de feriados no meio da semana será maior: são onze no total, dos quais seis podem ser emendados com sábado e domingo. Em 2019, foram apenas dois feriados prolongados, o que já resultou, segundo o Ministério do Turismo, em 13,9 milhões de viagens domésticas.

Feriados nacionais são bem vistos por quem trabalha na área de turismo, já que movimentam o mercado interno do setor. Entre quem ama viajar, a questão é: como aproveitar o maior número de dias de folga para passear sem estourar o orçamento? Um primeiro passo importantíssimo é economizar na compra da passagem aérea, que normalmente responde pela maior parte do investimento em uma viagem. Veja abaixo algumas dicas que podem ajudar a conseguir o menor preço nas passagens de avião, elaboradas com a ajuda de Paula Rebouças, do buscador TurismoCity:

Comece a pesquisar o quanto antes

O planejamento com antecedência garante mais tranquilidade e organização e menos stress na organização de toda viagem - e, no caso das passagens aéreas, ajuda a economizar. Para viagens internacionais, o ideal é começar a pesquisar cerca de seis meses antes do embarque. O intervalo cai para dois meses no caso das passagens nacionais; mas deve ser um pouco maior caso a viagem esteja programada para algum grande feriado, como o Carnaval ou a Páscoa: nesse caso, comece a busca cerca de três meses antes da data desejada.

Começar a pesquisar o mais cedo possível também aumenta as chances de você conseguir uma daquelas promoções imperdíveis - as passagens desse tipo de promoção normalmente se esgotam em poucas horas, então você só vai garantir a sua se estiver sempre de olho. O ideal é reservar quinze ou vinte minutos para, todos os dias, dar uma olhada nos sites das principais companhias aéreas e buscadores de passagens.

Siga de perto as companhias aéreas e os buscadores de voos

Assine a newsletter, ative alertas de preços, acompanhe as companhias aéreas e os sites buscadores de voos nas redes sociais: estar conectado é importantíssimo para ser um dos primeiros a saber quando alguma promoção for liberada. Eventualmente você pode estruturar a viagem justamente em função das passagens: em vez de procurar pelo voo para um lugar específico, abra a cabeça e não deixe escapar aquela promoção inacreditável para um destino que nem estava nos seus planos.

Nos últimos anos, as companhias e, principalmente, os buscadores de passagens aéreas também passaram a desenvolver aplicativos próprios, que avisam sobre as promoções com ainda mais agilidade: em vez de ficar sabendo da queda de preços só quando abrir o Twitter ou o Instagram, você recebe a notificação (não esqueça de deixá-las ativadas!) na hora em que a promoção for liberada. Quem ama viajar deve considerar seriamente ter pelo menos um desses instalados no celular.

Seja flexível

Às vezes, a ida ou a volta um dia antes ou depois do que você estava inicialmente planejando pode fazer toda a diferença no preço final - portanto, se sua agenda permitir, compare os preços de dois ou três diferentes dias para a ida, e dois ou três diferentes dias para a volta. Ah: viagens mais longas, com pelo menos sete dias entre a ida e a volta, costumam sair mais em conta.

E tenha em mente que o dia da semana influencia bastante o preço das passagens: segundo o site Skyscanner, voos para praias ou cidades com atrações turísticas costumam ter a ida mais cara às sextas-feiras, e a volta mais cara aos domingos. No caso dos destinos de negócios, como grandes metrópoles, a lógica é inversa: a ida na segunda e a volta na sexta-feira costumam ter preços mais elevados. De modo geral, voos nas terças e quartas-feiras são mais econômicos.

Participe de programas de milhas aéreas

Quando se fideliza a uma companhia aérea e um programa de milhas, você pode aproveitar suas viagens para acumular pontos que podem ser trocados por passagens ou descontos. E não são só os voos que rendem milhas: compras feitas com cartão de crédito e em lojas parceiras também acumulam pontos - cada programa tem suas regras próprias, é claro, então vale pesquisar e decidir qual combina mais com o seu perfil.

Mesmo que você não viaje tanto assim, vale a pena se informar: o cadastro costuma ser gratuito, então por que não aproveitar as milhas que você já ganharia de uma forma ou de outra? E fique sempre de olho: em alguns casos, há promoções exclusivas para milhas, ou seja, passagens que são trocadas por muito menos milhas do que seriam normalmente. Como na segunda dica da nossa lista, o truque é seguir seu programa de milhas nas redes sociais, baixar o aplicativo correspondente, e aproveitar!

Leia também: Cresce ocupação hoteleira na Grande Florianópolis

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Entretenimento

Colunistas