nsc

publicidade

SETEMBRO VERDE 

Conheça cinco alimentos que previnem o câncer de intestino   

Mortes causadas pela doença aumentaram 60% no período de 10 anos em SC

18/09/2019 - 08h59 - Atualizada em: 20/09/2019 - 08h04

Compartilhe

Por Camila Levien
(Foto: )

As mortes causadas pelo câncer de intestino, também conhecido como câncer de cólon e reto ou colorretal, cresceram 60% em 10 anos em Santa Catarina. O número passou de 406 casos em 2007 para 652 em 2017.

A maior incidência de mortes no Estado ocorreu no Planalto Norte e no Nordeste de SC, com 21,38% de todas as vítimas deste tipo de câncer em SC. Os dados são do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM).

A estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) é que, no último ano, aproximadamente 1,2 mil pessoas tenham sido diagnosticadas com a doença. Em todo país, calcula-se 36.360 registros, sendo 17.380 homens e 18.980 mulheres.

Esses dados motivam a mobilização "Setembro Verde", que busca prevenir as ocorrências em todo o país. Em Santa Catarina, prédios públicos, entidades e hospitais de pelo menos cinco cidades estão iluminados de verde, como forma de apoio à campanha com foco na prevenção da doença.

A nutricionista Anauã Franco explica que a ocorrência desse tipo de câncer tem forte relação aos nossos hábitos alimentares. Ela destaca que devemos evitar ingerir embutidos, pois são classificados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como no "Grupo 1" de carcinogênicos. Na mesma classificação estão tabaco, amianto e fumaça de óleo diesel.

Além disso, Anauã recomenda moderação no consumo de carne vermelha, açúcares e alimentos industrializados.

— Um sinal muito importante de que algo está errado na sua alimentação é o trânsito intestinal. Constipação ou diarreia constante não são normais. Uma pessoa deve defecar todos os dias com consistência normal e sem esforços — ressalta a nutricionista.

Ela também elencou cinco alimentos que - se adicionados a uma dieta alimentar balanceada - podem ajudar a prevenir a tumores intestinais. O segredo está nas propriedades das fibras.

Conheça cinco alimentos que ajudam a prevenir o câncer de intestino

1 - Biomassa de banana verde

Biomassa de banana verde aumenta a produção de bactérias benéficas para o intestino
Biomassa de banana verde aumenta a produção de bactérias benéficas para o intestino
(Foto: )

A biomassa de banana verde é um prebiótico que aumenta a produção de bactérias benéficas para o intestino e é também rica em fibras e outros nutrientes como potássio, vitaminas A, B1 e B2. Além disso, a biomassa traz maior saciedade quando consumida. Por isso, é um dos ingredientes favoritos de quem faz dieta. Uma colher de sopa cheia tem cerca de 15 calorias.

2- Farelo de Aveia

Farelo de aveia é rico em fibras auxilia a fortalecer o sistema imunológico
Farelo de aveia é rico em fibras auxilia a fortalecer o sistema imunológico
(Foto: )

O farelo de aveia é incluído na lista como uma boa fonte de beta-glucana, que é um tipo de fibra solúvel, que possui a propriedade de formar um gel no intestino. Com isso, reduz a atividade de enzimas digestivas, auxilia a digestão, protege o sistema imunológico e garante o bom funcionamento do organismo. O alimento é também rico em proteínas, cálcio, magnésio, fósforo, ferro, potássio e vitaminas do complexo B e E.

3- Cranberry

O cranberry é considerado um "super alimento", pois é muito rico em antioxidantes
O cranberry é considerado um "super alimento", pois é muito rico em antioxidantes
(Foto: )

Com sabor semelhante ao da cereja, o cranberry é uma fruta originária dos Estados Unidos, sendo mais comum nas regiões temperadas. Por este motivo, no Brasil não é comum se encontrar a fruta in natura. Em lojas de produtos naturais é possível encontrá-la nas versões congeladas e secas. É considerada pela nutricionista Anauã Franco como uma boa fonte fitoquímicos antioxidantes - que aumentam o aporte de fibras - sendo também um alimento rico em vitaminas C, K e A, ácido fólico, manganês e potássio.

4- Goji Berry

O Goji Berry reforça a imunidade e é rico em vitamina C
O Goji Berry reforça a imunidade e é rico em vitamina C
(Foto: )

O Goji Berry reforça a imunidade pois é rico em vitamina C e concentra também vitaminas B1, B2 e B6 – anti-inflamatórias, antibacterianas e antifúngicas. A nutricionista dá a dica de incluir o item no molho de tomate para ressaltar as propriedades do tomate, pois agrega licopeno um antioxidante que quando absorvido pelo organismo ajuda a impedir e reparar os danos às células importante para a prevenção de câncer.

5- Farinha de Coco

O coco é um antifúngico natural em todas as suas variadas formas de consumo
O coco é um antifúngico natural em todos as suas variadas formas de consumo
(Foto: )

A farinha de coco é considera uma rica fonte de fibras, além de o coco ser também um antifúngico e sendo assim fortalece a imunidade e melhora o funcionamento do intestino. O coco também é rico em ácidos graxos curtos que ajudam a saciar e dar energia.

Leia as últimas notícias do NSC Total

Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC

Deixe seu comentário:

publicidade